Considerado indispensável por muitos, o leite de vaca assume uma posição de destaque na alimentação dos portugueses. Ainda assim, no ano passado consumiu-se menos um milhão de leite do que em 2016 e verificou-se o aumento do consumo de bebidas vegetais. O Espalha-Factos mostra-te os prós e os contras de seis tipos de leite, segundo vários nutricionistas.

1. Leite de vaca

Fonte: Couleur/Pixabay

Prós | Tem elevado valor nutricional e proteico, com a presença de cálcio, iodo, fósforo e vitamina B12. Esta última é apenas encontrada naturalmente em produtos de origem animal e considerada crucial para a atividade cerebral e para o sistema nervoso.

Contras | Em relação às restantes bebidas da lista, contém altos valores de gorduras saturadas. Num copo de leite é possível encontrar 4,6 gramas de gorduras saturadas.

2. Leite de Amêndoa

Fonte: Amazing Almonds / Wikimedia Commons

Prós | É rico em minerais como magnésio e selénio e vitamina E, apontados como importantes para o sistema imunitário e metabolismo. Para além disso, é baixo em colesterol e não contém lactose, o que o torna uma alternativa para aqueles que não querem consumir lacticínios ou que são intolerantes à lactose.

Contras | Fica aquém das expectativas no que toca à proteína, quando comparado com o de vaca ou de soja.

Como fazer? | Vais precisar de uma chavena (de chá) de amêndoas cruas, três de água e uma colher (de chá) de essência de baunilha (opcional).

 

3. Leite de Aveia

Fonte: dessuil / Pixabay

Prós | A bebida de aveia é rica em fibra solúvel, contém beta-glucanos (açúcares que ajudam a impulsionar o sistema imunitário) e vitamina B. A aveia é também um cereal importante na alimentação dos diabéticos, pois as fibras solúveis auxiliam no controlo da glicémia.

Contras | Para além de conter mais gordura que as restantes bebidas alternativas ao leite de vaca, a bebida de aveia é baixa em proteína, vitaminas e minerais.

Como fazer? | Vais precisar uma chávena de aveia em flocos, duas chávenas e meia de água, pedras de gelo e essência de baunilha a gosto.

4. Leite de Soja

Fonte: bigfatcat/Pixabay

Prós | A bebida de soja contém fósforo, magnésio, ferro, cálcio, cobre e diversos aminoácidos essenciais. Além disso, tem doze vezes mais proteínas do que o leite de vaca. Depois do leite de vaca, a bebida de soja é a mais nutritiva.

Contras | O consumo exagerado de bebida de soja pode afetar o equilíbrio hormonal.

5. Leite de Coco

Fonte: Hafiz Issadeen/Flickr

Prós | Escolhido muitas vezes por causa do sabor, o leite de coco é baixo em calorias e é semelhante ao de vaca em termos de textura.

Contras | Não tem proteína e é alto em gordura saturada.

Como fazer? | Vais precisar de um coco seco (2 chávenas e meia de coco picado ou cerca de 250g), três chávenas (de chá) de água quente (cerca de 720ml ou mais se preferires mais fino).

6. Leite de Arroz

Fonte: PxHere

Prós | A bebida de arroz é muito baixa em gordura e contém altos níveis de magnésio. Tem proteínas, vitamina B1 e niacina, responsáveis pela transformação das proteínas e carboidratos em energia.

Contras | Não contém muito cálcio e tem valores altos de açúcar.

Como fazer? | Vais precisar de uma chávena de arroz cozido, três de água filtrada e uma colher de chá de essência de baunilha sem álcool (opcional).