Em notícia avançada pelo Correio da Manhã, A Quinta é o reality show menos visto de sempre na TVI. A mais recente aposta da estação de Queluz para as noites de domingo aparece em último numa lista de 19 programas do género.

Outrora apelidada de rainha dos domingos à noite graças aos bons resultados que conteúdos como Secret Story registavam, a TVI vê-se agora numa situação menos favorável. Isto porque, na sua quarta semana de confronto direto com o The Voice Portugal, da RTP1, o programa A Quinta voltou a perder na luta das audiências.

Informações divulgadas pelo Correio da Manhã mostram que, na lista total de audiências dos programas do estilo “reality show” transmitidos pela TVI, A Quinta aparece na 19.ª e última posição, com audiência mínima de 1 milhão e 164 espetadores. Ainda dos tempos de glória destes formatos na televisão nacional, vemos Big Brother 2 no topo do ranking, com registos de audiência superiores a dois milhões de espetadores.

Apresentado por Teresa Guilherme, o formato de reality atualmente em exibição consiste num grupo de famosos e anónims que fica fechado numa quinta e onde é gravado durante todos os momentos do dia. Em jogo está o prémio de 30 mil euros e, entre os candidatos, podemos encontrar nomes como Merche Romero, Kelly Medeiros ou Liliana Aguiar.

Sobre o desempenho pouco satisfatório do seu programa, Teresa Guilherme chegou a admitir ao Correio da Manhã no fim do passado mês de outubro que “se [o fracasso nas audiências] continuar assim, é o fim [dos reality shows em Portugal]“. Na opinião da apresentadora, o problema reside na estratégia de divulgação e promoção que a TVI aplicou ao programa, visto que “não são 25 minutos de imagens por dia que dão a conhecer um reality show“, sugerindo mesmo que bastava criar “um bloco de ‘A Quinta’ em horário nobre, dez minutos que fossem já ajudaria a ganhar mais visibilidade”.

Vê aqui a lista completa, compilada pelo Correio da Manhã, dos realities mais vistos na Quatro, de acordo com os dados da Marktest (1999-2012) e GfK (a partir de 2012):

realities