Morre… e deixa-me em paz