Corrupção

rosewater

Rosewater: Em busca da Liberdade

A água de rosas é conhecida por perfumar e abençoar quem se banha no seu líquido singular, proveniente da região da antiga Pérsia. É com uma paisagem de rosas e um belo poema Iraniano, que o filme de Jon Stewart, Rosewater - Uma esperança de liberdade, inicia a jornada conturbada de Maziar Bahari, um jornalista preso e torturado durante quatro meses por reportar a verdade sobre o autoritarismo Iraniano. Tal como as rosas são um apelo ao sagrado, também podem ser o odor das mãos de um opressor.
IMG_6638

Reportagem fotográfica: “Poder, Corrupção e Crime” na antestreia de Gotham

No passado sábado, dia 9 de novembro, às 19h30, a FOX fez uma sessão especial de antestreia da série norte-americana Gotham. A apresentação ficou a cargo de Ricardo Martins Pereira, diretor do nIT e dono do blog O Arrumadinho, onde partilha diariamente a sua paixão pelas várias séries que acompanha. Esta antestreia ocorreu no Centro de Congressos do Estoril e o Espalha-Factos esteve presente pela lente da nossa fotógrafa Beatriz Nunes. Como anuncia a série: "Antes de Bathan, existia... Gotham".
Captura de ecrã 2013-03-28, às 19

‘A Filha do Papa’: um segredo bem guardado

Luís Miguel Rocha já nos convenceu que “sabe tudo sobre Papas”, como diz Jô Soares, e, mais ainda, que é um dos maiores escritores portugueses da atualidade. A Filha do Papa vem corroborar isso mesmo, com uma genialidade que nos obriga a comer as páginas do livro, antes que a falta de ar nos assalte por não termos desvendado um dos muitos nós que a sua narrativa vai criando. Mais uma vez, o Vaticano: os escândalos bem reais, as pontas soltas inspiradoras de uma ficção muito bem construída e personagens robustas que nos guiam por esta maravilhosa viagem.
largowinch2_01

Largo Winch II e mais do mesmo

Largo Winch II, Conspiração na Birmânia, estreia hoje em Portugal. É raro um filme e a sua sequela estrearem quase em simultâneo, apenas com uma semana a intercalar. Estes dois filmes já foram exibidos há alguns anos em França e talvez por estratégia ou simplesmente pela distribuição vieram parar ao grande ecrã português como um relâmpago, num pacote de dois em um.