Casa Fechada

zambujo

A Alma de Zambujo

É homem de poucas palavras, mas contagia com o canto melodioso e o sorriso sincero. Tem na voz o fado e na alma o Alentejo. Nesta noite de 25 de abril, a sua segunda em palco lisboeta, António Zambujo surge de fato e gravata no Grande Auditório da Gulbenkian para apresentar o seu novo álbum, Quinto. “Quero cantar como a rola”, diz uma das canções. Desejo realizado.