O Espalha-Factos terminou. Sabe mais aqui.
Foto: Pedro Nunes/Divulgação

Audiências. TVI vence sábado com Argentina x México e ‘Festa é Festa’

O Argentina x México deste sábado (26) reuniu perto de 1 milhão e meio de espectadores e liderou o top diário, dando à TVI uma liderança confortável num dia que lhe é habitualmente menos favorável.

A transmissão da fase de grupos do Mundial 2022 foi vista em média por 1 milhão e 490 mil espectadores, marcando 15,7 pontos de audiência e 31,8% de share. Às 20h48, no final da partida, a TVI registava um pico de 20,2% de audiência e 39% de share, com 1 milhão e 910 mil a assistir. Este foi o terceiro jogo mais visto do Mundial 2022 até ao momento, atrás do Portugal x Gana (23,9% de audiência) e do Brasil x Sérvia (16,7%).

A vitória da seleção argentina foi para o ar às 18h47 e dominou as audiências, deixando a grande distância O Preço Certo (6% / 12,4%) e o Telejornal (5,4% / 10,6%) da RTP1, e o Jornal da Noite (7,9% / 16%) da SIC. A última parte de Caixa Mágica (4,6% / 12,6%) e É Bom Vivermos Juntos (5,8% / 11,7%) também defrontaram o futebol da TVI. Logo após o jogo, o Jornal das 8 (8,8% / 18,6%) teve uma edição reduzida às 21h15.

A outra partida do Mundial com transmissão em sinal aberto neste sábado foi o França x Dinamarca, exibido pela RTP1 a partir das 15h50. A vitória dos gauleses foi vista por 613 mil espectadores (6,5% / 20,6%) e, apesar do resultado discreto, foi líder e melhorou significativamente o desempenho do canal público no horário.

A TVI venceu o dia com 17,9% de share e conseguiu uma vantagem de 3,4 pontos sobre a SIC, que se situou nos 14,5%. A RTP1, apesar de também contar com um jogo do Mundial, não foi além dos 10,8%. A vitória da TVI não foi suficiente para inverter a ligeira vantagem da SIC nas contas mensais de novembro, que se mantém nas três décimas: 16,2% de share para a estação de Paço de Arcos, contra 15,9% da Quatro.

sangue oculto
Sangue Oculto – Divulgação SIC

Agora também ao sábado, Sangue Oculto bate novo mínimo

A SIC apostou novamente em Sangue Oculto para abrir a noite de sábado, atrasando Terra Nossa. A novela protagonizada por Sara Matos não conseguiu liderar no horário e teve mesmo a sua pior audiência até ao momento: apenas 643 mil espectadores viram o episódio especial, correspondentes a 6,8% de audiência e 15,8% de share. Festa é Festa manteve a liderança, com o compacto Vai Ser Lindo (8% / 17,2%), o episódio do dia (8,8% / 19,5%) e o especial Gravar é uma Festa (8,6% / 19,8%).

Terra Nossa só foi para o ar às 23h12 e não foi além dos 469 mil espectadores (5% / 17%). O episódio inédito, gravado em Ponte da Barca, perdeu para Big Brother – Extra Especial (5,7% / 18,2%), que marcou o melhor share da temporada. Já de madrugada, a repetição do episódio de Terra Nossa dedicado a João Félix (2,7% / 18%) superou o compacto Big Brother – A Semana (2,5% / 13,15) e o filme Vestido a Rigor (1,6% / 13%).

Masterchef Portugal RTP
Fotografia: RTP/Flickr

Masterchef regressa abaixo do meio milhão

A nova temporada de Masterchef estreou este sábado (26) na RTP1, e ocupou o terceiro lugar no horário durante toda a sua duração. O concurso de cozinha conseguiu uma média de 432 mil espectadores, correspondentes a 4,6% de audiência e 10,5% de share.

A estreia da nova temporada ficou ligeiramente abaixo da temporada anterior, que havia registado 477 mil espectadores (5% / 11,3%) há cerca de um ano. O fraco resultado do Telejornal, que teve de defrontar o Argentina x México, pode ter influenciado o desempenho de Masterchef.

Outros destaques do dia
  • Alô Marco Paulo (2,8% / 13,5%) voltou a perder para Dois às 10 – Especial (3,1% / 15,3%), embora tenha conseguido liderar nos momentos que antecederam o Primeiro Jornal (7,6% / 24,2%). O noticiário da SIC dominou a hora de almoço, com mais dez pontos de share que o Jornal da Uma (4,5% / 14%) e o Jornal da Tarde (4,4% / 13,7%), que disputaram o segundo lugar.
  • Novamente em horário mais tardio que o habitual, às 14h31, Alta Definição bateu novo mínimo anual. A entrevista a Anabela Moreira foi vista por 527 mil espectadores (5,6% / 19,5%), um valor ainda assim muito acima dos 355 mil de Conta-me (3,7% / 13,4%) com Áurea.
  • Com edição especial e a começar mais cedo, Caixa Mágica (4,6% / 12,6%) perdeu no confronto com Em Família (5,2% / 15,5%), que foi dedicado a Festa é Festa.
  • CMTV manteve a liderança do cabo, com 4,5% de share. Nos canais informativos, CNN Portugal (2,5%) voltou a ficar à frente da SIC Notícias (1,5%) e da RTP3 (1,1%).
Dados de audiência Total Dia (Live+VOSDAL) da responsabilidade da GfK/CAEM para o dia 26 de novembro.