Sexta às 9 de Sandra Felgueiras foi durante mais deu ma década o programa de reportagem da RTP

RTP promete “novo formato” de jornalismo de investigação após saída de Sandra Felgueiras

Numa nota enviada às redações esta terça (23), a direção de informação da RTP pronuncia-se pela primeira vez sobre a saída de Sandra Felgueiras e promete continuar a apostar no jornalismo de investigação.

A transferência, anunciada na quinta-feira (18), estava até agora ainda sem nenhuma reação por parte da jornalista ou dos responsáveis da estação pública.

Face ao anúncio público da sua saída da RTP e à formalização da sua desvinculação da empresa, a jornalista Sandra Felgueiras deixa, a partir do final desta semana, de coordenar e apresentar o programa Sexta às 9″,  começa por dizer a Direção.

O jornalismo de investigação livre e independente faz parte da história da RTP há décadas e assim continuará. O escrutínio dos poderes e do que possa atentar contra a lei e o interesse público continua a ser uma prioridade da Informação da RTP, que está a trabalhar num renovado formato“, continua a nota, que não revela se o programa de informação continuará no ar, com outra apresentadora e diferente coordenação, até à entrada de um novo espaço informativo no ar.

A Direção de Informação agradece ainda “o trabalho e dedicação que a jornalista Sandra Felgueiras revelou ao longo do seu trajeto de mais de duas décadas na RTP“. Sandra Felgueiras conduzirá pela última vez o formato informativo esta sexta (26) a partir das 21h.

A repórter e pivô abandonará a estação pública para ser diretora da revista SÁBADO e um dos rostos do canal CMTV, também detido pelo grupo Cofina. A CMTV é atualmente o canal mais visto na televisão por cabo em Portugal.

Lê também: Dina Aguiar lamenta saída de Sandra Felgueiras: RTP “não valoriza nem defende o seu capital humano”

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.