Para Sempre TVI
Fotografia: Divulgação

‘Para Sempre’ em quebra na segunda semana fica longe de ‘A Serra’

A segunda semana de Para Sempre não correu de feição. A novela protagonizada por Diogo Morgado registou esta sexta-feira (19) o seu pior share, num episódio que foi para o ar mais tarde devido à transmissão da Taça de Portugal.

Para Sempre registou uma média de 708 mil espectadores, correspondentes a 7,5% de audiência e a 20,1% de share, a sua pior quota de mercado. A novela da TVI abriu a semana com um mínimo de audiência (7,2%) na passada segunda-feira, ao qual se seguiram outros dois mínimos de share na terça-feira (20,2%) e nesta sexta-feira.

O Benfica x Paços de Ferreira foi o programa mais visto do dia, mas não beneficiou Para Sempre. A vitória dos encarnados na Taça de Portugal foi vista em média por 1 milhão e 337 mil espectadores, marcando 14,1% de audiência e 29,5% de share. Às 22h24, a TVI registava um pico de 16,3% de audiência e 36,2% de share.

Terminado o jogo, a TVI caiu a pique durante o intervalo e a liderança passou para a SIC, que ainda exibia Amor Amor Vol. 2 (10% / 23,1%). Também mais tarde que o habitual, A Serra (9,9% / 26,9%) não só segurou a liderança como obteve a sua maior margem sobre Para Sempre. Com 942 mil espectadores, A Serra teve mais 234 mil que a nova concorrente, conseguindo a melhor audiência em quase dois meses.

Ouve também: ‘Para Sempre’. Novela da TVI é “pesada” e “não faz sentido” | Fita Isoladora

A transmissão da Taça de Portugal pela estação de Queluz não pôs em causa a liderança diária da SIC, que conseguiu 20,3% de share foi o canal mais visto nesta sexta-feira. A TVI subiu aos 18,5%, enquanto a RTP1 recuou para os 11,5% de share.

Foto: TVI/Divulgação

Big Brother melhor à tarde que à noite

Exibido depois de Para Sempre, o reality show da TVI também registou o seu pior share da temporada e ficou muito longe da SIC. Big Brother – Extra ficou-se pelos 239 mil espectadores, obtendo 2,5% de audiência e 13,7% de share, um novo mínimo.

O programa apresentado por Alice Alves ficou a grande distância das novelas Bom Sucesso (5,5% / 21,9%) e Tempo de Amar (4,2% / 21%), bem como da repetição de Quem Quer Namorar com o Agricultor? (2,3% / 17,3%).

Ao final da tarde o cenário foi mais favorável para o reality show da TVI. Habitualmente isolado no terceiro lugar às 19 horas, Big Brother – Diário (7,4% / 16,2%) lutou taco a taco com Quem Quer Namorar com o Agricultor? (7,5% / 16,5%) pela vice-liderança.

Na liderança indiscutível do horário esteve O Preço Certo (10,4% / 23%). Mesmo com uma edição repetida, o concurso da RTP1 foi o segundo programa mais visto do dia, superando todas as novelas e, por escassa margem, o Jornal da Noite (10,4% / 21,1%), mostram os dados da GfK/CAEM.

Outros destaques do dia
  • Primeiro Jornal (7,4% / 30,4%) superou a fasquia dos 30% de share e manteve o domínio na hora de almoço, vencendo o Jornal da Uma (5,4% / 22,1%) e o Jornal da Tarde (3,3% / 13,1%).
  • Empate técnico ao início da tarde entre Linha Aberta e A Única Mulher, ambos com 3,7% de audiência e 20% de share. A novela da TVI teve ligeira vantagem, com 353 mil espectadores, contra 349 mil do programa da SIC.
  • Na semana que se soube que Sandra Felgueiras deverá estar a caminho da CMTV, Sexta às 9 (6,6% / 13%) foi visto em média por 622 mil espectadores.
  • Com a seleção nacional já afastada da final e a concorrer com o Benfica x Paços de Ferreira, o Portugal x Andorra (3,1% / 7,2%) teve os piores resultados deste Campeonato da Europa de Hóquei em Patins. Cerca de 298 mil espectadores viram a vitória lusa na RTP1.
  • Em vésperas de dar lugar à CNN Portugal, a TVI24 manteve o terceiro lugar entre os canais informativos com 1,2% de share, atrás da SIC Notícias (2,4%) e da RTP3 (1,5%), que também emite na TDT.