CNN Portugal recebe mapas de Portugal da CMTV
CNN PORTUGAL - PRIMEIRO ENSAIO DIRECTO (Fotografia: Armanda Claro)

CMTV marca território e envia mapas de Portugal à CNN

Nos dias que antecedem a estreia da CNN Portugal, a CMTV mobilizou uma campanha de guerrilha em que quer mostrar que é o verdadeiro canal de informação português. Esta sexta (19) foram enviados mapas do país a várias pessoas da nova concorrente.

No tubo de cartão com o mapa do país seguia também um postal: “Bem-vinda, CNN. Assim que puder, venha fazer-nos uma visita. Enviamos um mapa de Portugal para que seja mais fácil localizar-nos. Sabemos como é difícil para quem vem de fora adaptar-se ao terreno“, dizia a missiva.

Nuno Santos, diretor da CNN Portugal, e Mário Ferreira, presidente do conselho de administração da Media Capital, foram dois dos destinatários.

Temos o maior respeito (…) por aqueles que se julgam nossos concorrentes”

O empresário reconhece que a ação “teve a sua piada” e é demonstrativa do “quanto a concorrência está a valorizar a chegada do nosso canal CNN“. “Temos o maior respeito por todos os nossos concorrentes, por aqueles que se julgam nossos concorrentes, e nos dão tal importância“, sublinhou Nuno Santos, por outro lado.

O diretor aproveitou ainda a resposta, através de uma mensagem publicada no Facebook, para referir que, “quanto ao essencial, Portugal nunca foi pequeno. É uma destas raras nações antigas que sabe receber, aprender e crescer“.

Considerações à parte sobre o papel da CMTV enquanto concorrente da CNN Portugal, o canal da Cofina, que é um generalista com grande predominância de espaços informativos, tem sido imbatível como televisão mais vista do Cabo. Em outubro, pouco depois do registo do pedido de alteração da TVI24 na ERC, foi revelado que o alvo é outro: a CNN quer “roubar as classes mais altas” à SIC Notícias.

A CNN Portugal entra no ar às 21h de segunda-feira (22), com a transmissão da primeira edição do Jornal da CNN, apresentado por Judite Sousa e Júlio Magalhães. Antes disso, a partir das 18h, no Mosteiro dos Jerónimos, haverá uma cerimónia inaugural com Marcelo Rebelo de Sousa e Rani Raad, presidente da CNN Worldwide Commercial.

Cachorro quente vs bifana?

A campanha de publicidade lançada pela CMTV e desenvolvida pela FCB Lisboa está totalmente focada na portugalidade do canal de televisão da Cofina. No anúncio televisivo, também disponível nos meios digitais, é simulada uma prova cega em que um espectador decide entre um cachorro quente norte-americano e uma bifana portuguesa, numa oposição entre a “sandes importada” e os sabores nacionais.

Há coisas que os Estados Unidos exportam para o resto do mundo. São feitas da mesma maneira e com o mesmo sabor. E há coisas que são portuguesas de raiz, criadas por gente daqui, com o nosso gosto e por isso fazem tanto sucesso“, afirma o anúncio, para depois fechar afirmando que “A CMTV é assim, 100 por cento portuguesa, 100 por cento da nossa gente“.

A campanha na imprensa alinha na mesma lógica. “Quando há uma crise em Cuba, os nossos jornalistas são os primeiros a chegar“, “Para a CMTV estas são as casas brancas que realmente importam” e “Os nossos correspondentes de guerra estão sempre perto das batalhas do seu-dia-dia” são os copies dos anúncios, mostrados pela Briefing.

CMTV Anúncios de imprensa
Fotografia: Reprodução / Briefing