Fátima Lopes está de regresso à SIC
Instagram

De volta a casa. Fátima Lopes é o novo reforço da SIC

Onze anos depois, Fátima Lopes está de volta à SIC. A apresentadora deixou a TVI no início de janeiro, após mais de uma década de ligação com a estação de Queluz, e tem estado dedicada a projetos empresariais e de comunicação online. Regresso à antena é já em dezembro, no dia 1, com a apresentação da 1.ª Gala dos Sonhos da Associação Sara Carreira.

Depois deste primeiro desafio, que marca o regresso daquela que foi uma das principais caras do canal, Fátima Lopes fica ligada à estação, estando já prevista uma temporada de um grande formato, para além de outros projetos e iniciativas a anunciar oportunamente.

A Fátima é um dos grandes nomes da televisão em Portugal. Pode e sabe fazer todos os registos e vive um momento especial da sua vida, de concretização profissional e confiança, que a torna uma mais valia para a SIC, num regresso a casa que acontece no momento certo. Os 30 anos da televisão privada em Portugal e da SIC em particular, não dispensam um dos seus principais rostos”, adianta Daniel Oliveira, em comunicado.

A apresentadora não esconde a felicidade por voltar à casa que a “viu nascer“. “Foi na SIC que me fiz apresentadora e onde cresci como profissional. Para mim, tem um significado muito especial, regressar para conduzir esta Gala e fazer parte da celebração dos 30 anos da SIC. Recomeço entusiasmada e cheia de vontade de abraçar novos desafios“, afirma.

Saída da TVI após “um somatório de desconsiderações”

Em janeiro, depois de um percurso de mais de 10 anos no canal de Queluz, Fátima Lopes anunciou que não continuaria a trabalhar para a estação de Queluz, apesar de ter confirmado que estaria presente na adaptação portuguesa do forma C’e Posta Per Te, que traria a apresentadora de volta a um programa semelhante ao Perdoa-me, que apresentou na SIC em 1994.

Mais tarde, afirmou ter sido vítima de “desconsiderações” por parte dos responsáveis da TVI, “O tempo foi passando e nunca mais falaram comigo. Até que chegámos a junho e são feitas múltiplas contratações pela empresa. E pensei: ‘bom, a empresa já está financeiramente saudável, porque conseguiu contratar equipas inteiras, e vai chamar-me’. Nunca o fez“.

Na SIC durante 16 anos, Fátima Lopes foi a cara de inúmeros programas de sucesso em Carnaxide. Estreou-se em Perdoa-me, no lugar de Alexandra Lencastre, e rapidamente transitou para All You Need is Love, até se estrear com Fátima Lopes, passando mais tarde para os programas de daytime da SIC, que marcaram as audiências televisivas na altura. Primeiro com SIC 10 Horas, que registou os índices mais altos de audiências nas manhãs portuguesas neste século, e depois Fátima, a sua última passagem pelas manhãs até se mudar para as tardes com Vida Nova, em 2009.

Em 2010, nove meses após se estrear nas tardes, Fátima abandonou a SIC – na altura dirigida por Nuno Santos – para rumar à TVI. Na Quatro, a apresentadora estreou-se com Agora é Que Conta, até passar para A Tarde é Sua, após o regresso de Júlia Pinheiro à SIC ter deixado um lugar livre nas tardes da TVI.

* com Miguel Cunha dos Santos