Pecado
Fotografia: TVI/Divulgação

‘Pecado’ chega ao fim com pior share desde a estreia

Pecado, destacada pela TVI como a série portuguesa mais vista do ano, despediu-se dos espectadores este sábado (30) com o share mais baixo desde que estreou e pouco acima do mínimo de audiência registado no penúltimo episódio.

O drama protagonizado por Daniela Melchior, Pedro Lamares e Lourenço Ortigão marcou 7,6% de audiência média e 18,2% de share, com uma média de 712 mil espectadores, e só conseguiu superar a SIC nos minutos finais, após o final de Terra Nossa (9,6% / 21,3%). Na RTP1, Joker – Vips (3,2% / 6,7%) não convenceu e o documentário O Pimba é Nosso (3,1% / 9,4%), emitido já depois das 23h, acabou por ser mais competitivo que o concurso.

Na primeira faixa do horário nobre, Jornal da Noite (10,7% / 20,4%) foi o mais visto do dia, embora tenha perdido para o Telejornal (8,5% / 16,3%) durante quase 40 minutos. O Jornal das 8 (7,5% / 14,3%) foi terceiro.

Festa é Festa – Eleições (8,8% / 17,6%) e o novo episódio de Festa é Festa (10,4% / 21,2%) perderam para o programa de César Mourão, mas mantiveram-se distantes de Joker e da série Doce (4,1% / 7,9%), que enfrentou durante a maior parte do tempo o final dos noticiários.

Privadas continuam com resultados magros ao sábado

O sábado voltou a ser crítico para as televisões privadas. A SIC, que liderou o dia, registou o pior resultado desde 11 de setembro, com 15,6% de share, e nem a alteração de programação à tarde conseguiu inverter o cenário.

A soma de todos os canais abertos deu 41,8% de share no total diário, com a quebra das duas maiores estações a ser a causadora do mau resultado, mostram os dados da GfK/CAEM. O Cabo chegou a 40,4%. A TVI desceu para 13,3% de quota de mercado, o pior valor desde 17 de julho. A RTP1 foi mais estável e fixou-se nos 10,8%, em linha com a média anual.

A televisão aberta ficou abaixo da média dos restantes sábados do ano em todos os horários com exceção de um, o das 18h às 20h, onde O Preço Certo (9,8% / 20,7%) ajudou a elevar a soma das estações free-to-air até aos 44,3% de share, um ponto percentual acima da média de 43,3% habitualmente registada aos sábados, e cinco pontos acima do resultado da semana passada, nos 38,2%.

Ainda no período do acesso ao horário nobre, a SIC programou o filme O Segurança do Shopping: Las Vegas. A repetição da película não foi além dos 4,7% de audiência média e 10,6% de share, ficando em terceiro contra o concurso da RTP1 e a parte final de Em Família (4,5% / 11,8%).

Na restante tarde, o canal público alinhou Aqui Portugal (4,1% / 11,5%), que ficou bem próximo dos concorrentes das privadas, como Alô Marco Paulo (4,4% / 13%), em repetição e com uma emissão mais curta que o habitual.

Ouve o debate:

Outros destaques

  • Quem Quer Namorar com o Agricultor? (3,1% / 13,3%) e Big Brother (2,9% / 12,9%) viram os resumos semanais recuar para o pior resultado desde a estreia;
  • O jogo da Supertaça Europeia de Râguebi entre Brussels Devils e Lusitanos registou o melhor resultado da temporada para a modalidade – 0,4% de audiência média e 0,9% de share, o equivalente a 33,7 mil espectadores;
  • Destino Animal – Memórias de Elefante (2,1% / 11,3%) marcou o melhor resultado do ano na RTP1 e superou Estamos em Casa (2% / 10,6%) quando estiveram em confronto direto. Inspetor Max (2,4% / 12,6%) foi líder no horário.
  • A repetição de Uma Aventura na Casa Assombrada (1,2% / 13,4%) conquistou uma audiência média de 116,2 mil espectadores e disputou o início da manhã com Bom Dia Portugal (2,2% / 16,8%), que se superiorizou na liderança depois do final da série juvenil da SIC.