Venom: Let There Be Carnage
Fotografia: Sony Pictures Entertainment/Divulgação

‘Venom: Tempo de Carnificina’ é o novo líder da bilheteira nacional

O filme Venom: Tempo de Carnificina, um dos estreantes da semana, foi o grande vencedor da bilheteira nacional na passada semana. O projeto, realizado por Andy Serkis, esmagou a concorrência de 007: Sem Tempo para Morrer e de Ron Dá Erro, outro estreante. No entanto, o novo filme da Marvel não rendeu o suficiente para entrar no top 10 nacional de 2021, encontrando-se num modesto 13º lugar.

De acordo com os dados divulgados pelo Instituto do Cinema e Audivisual (ICA), o filme que deu seguimento à história de Venom levou pouco mais de 80 mil espetadores às salas de cinema, perfazendo assim uma receita de quase 500 mil euros. Isto é, de resto, uma das melhores estreias do ano em Portugal.

No segundo lugar da lista semana, encontramos 007: Sem Tempo Para Morrer, filme que vinha dominando o box-office nacional desde a sua estreia. Desde que veio a público, o último filme de Daniel Craig no papel de James Bond já arrecadou quase 2 milhões de euros, acabando por estar, neste momento, muito perto de ultrapassar F9 no topo da lista da bilheteira nacional de 2021. O terceiro lugar semanal pertence a Ron Dá Erro, um filme de animação que também teve a sua estreia na semana transata e que, até agora, arrecadou 60 mil euros em bilheteira.

Tudo somado, no topo da tabela de todo o ano continua Velocidade Furiosa 9, seguido de 007: Sem Tempo para Morrer e Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, os únicos três filmes a ultrapassar a marca do 1 milhão de euros em bilhetes no presente ano. Durante a passada semana passaram cerca de 200 mil espetadores pelas salas portuguesas, uma das melhores semanas do cinema em Portugal em 2021.

Dune é o destaque da semana

Numa semana com estreias para todos os gostos, o destaque vai para Dune. O novo filme de Denis Villeneuve é um dos projetos mais aguardados da última década, tendo já feito milhões em bilheteira em todo o mundo, mesmo antes de estrear. Esta longa metragem marca o seguimento de carreira do realizador canadiano depois da realização de Blade Runner 2049 e é descrito como uma “ópera no espaço” com muita fição científica. Conta com Timothée Chalamet, Oscar Isaac, Rebecca Ferguson e Zendaya nos papéis principais.

Num tom muito mais pacato mas não menos importante, Bergman Island é outra das estreias da semana, juntamente com Fabien e a nova adição na franquia de Halloween, denominada Halloween Kills.