Urna de Voto autárquicas

Autárquicas 2021. Fica a par da cobertura televisiva preparada para domingo

Conhece os principais destaques da cobertura das eleições na televisão e também no digital.

Portugal vive já este domingo (26) mais um ato eleitoral em período pandémico. Nas Eleições Autárquicas 2021, os portugueses vão eleger, para quatro anos de mandato, um total de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais e ainda 3 091 representantes de freguesias.

RTP prepara-se para uma análise especializada das sondagens

Na RTP1, a emissão tem início às 19h e fica a cargo de José Rodrigues dos Santos, Ana Lourenço e Carlos Daniel. Em comunicado, a televisão pública informa que, às 21h, serão reveladas “seis sondagens da Universidade Católica, efetuadas à boca das urnas, com as primeiras projeções de resultados para: Lisboa, Porto, Coimbra, Amadora, Almada e Figueira da Foz”. Tais resultados vão ser analisados por Ricardo Ferreira Reis, diretor do Centro de Estudos e Sondagens de Opinião da Universidade Católica (CESOP), que vai ainda analisar os “números que irão sendo conhecidos ao longo da emissão”.

A programação da estação estatal vai estar dividida em cinco blocos: Noite Eleitoral (20h), Hora da Decisão (21h), Concelho a Concelho (22h), Contas Finais (23h) e, para finalizar, E Agora? (00h). A transmissão vai acontecer em simultâneo com a RTP3 e a Antena1. Na rádio, a cobertura estende-se à manhã de segunda-feira (27).

Em estúdio, para comentar os desenvolvimentos e resultados, vão estar João Soares, Miguel Poiares Maduro, Maria Flor Pedroso e Luísa Meireles. Nas sedes nacionais dos principais partidos, bem como em “vários concelhos onde se anunciam desenlaces renhidos”, vai estar também uma vasta equipa de repórteres.

O canal avança também com “diversos académicos, investigadores das questões do território, poder local e ciência política” para analisar o mapa autárquico à medida que este for desvendado. Entre eles, destacam-se Filipe Teles, docente na Universidade de Aveiro e pró-reitor para o desenvolvimento regional e política de cidades, João Bilhim, professor catedrático jubilado e antigo presidente do ISCSP, Pedro Camões, professor do Departamento de Ciência Política e membro do Centro de Investigação em Ciência Política da Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho, Teresa Ruel, professora Auxiliar de Ciência Política no ISCSP, e Luís Serra Coelho, professor da Faculdade de Economia da Universidade do Algarve.

SIC apresenta especial com os rostos mais conhecidos da informação da estação

Na SIC e SIC Notícias, o Especial Eleições Autárquicas 2021, vai ser apresentado pelos já conhecidos rostos da informação do canal: Bento Rodrigues, Clara de Sousa e Rodrigo Guedes de Carvalho. De acordo com o que a estação tem avançado nas redes sociais, Ana Gomes, Francisco Louçã, José Miguel Júdice, Luís Marques Mendes e Ricardo Araújo Pereira vão estar também presentes em estúdio, a comentar “as primeiras grandes eleições no fim da pandemia”, que são um “teste para o governo e decisivas para a oposição”.

Numa edição especial autárquicas, o programa Isto É Gozar Com Quem Trabalha, o grande trunfo do canal, chega em dose dupla. Na sexta-feira (24), Ricardo Araújo Pereira faz uma antevisão da votação e recorda os melhores momentos da campanha. Para analisar os resultados, há um novo episódio do programa na segunda-feira (27).

TVI explora estúdio 360º

Na TVI24, a emissão dedicada às eleições tem início às 18h30 e vai contar com os comentários de Anselmo Crespo, Miguel Pinheiro e Paula Costa Simões. Segundo o canal, “nesta emissão serão analisados os números da abstenção e serão antecipados os cenários que podem sair desta noite, com as respetivas consequências e impacto que terão para o futuro político do país”.

Quanto à TVI, a emissão arranca às 20h, apresentada por José Alberto Carvalho, Pedro Mourinho e Sara Pinto. Para comentar, vão estar em estúdio Filipe Santos Costa, Sérgio Sousa Pinto e Sebastião Bugalho, os residentes da Lei da Bolha, aos quais se junta Maria João Avillez.

Anselmo Crespo, diretor de informação da TVI, destaca que esta será um emissão “muito dinâmica” em que serão exploradas “todas as potencialidades tecnológicas do estúdio 360º”. O objetivo é que o “uso da tecnologia disponível” permita “acompanhar a contagem dos votos com recurso a realidade aumentada e um grafismo eficaz e inovador”.

Porto Canal e a aposta geral no digital

No Porto Canal, a noite eleitoral das eleições autárquicas tem início programado para as 19h30. O canal informativo deverá dar um maior destaque à cidade do Porto.

Para além dos canais generalistas, com emissão simultânea aos canais por cabo e de notícias, este ano vai notar-se um forte investimento no digital, por parte de todas as estações, que prometem resultados em tempo real, emissões em livestreaming e ainda notícias e vídeos no momento.