Gabriela Barros, Filipa em Pôr do Sol, segura um telemóvel
Fotografia: RTP / Divulgação

‘Pôr do Sol’ continua a crescer e regista novo máximo de audiência

Na segunda semana de exibição, Pôr do Sol continua a atrair mais telespectadores e esta quarta-feira (25) alcançou um novo máximo de audiência. Apesar desta subida, os números ainda estão longe dos noticiários das privadas.

O mais recente episódio da série que satiriza as novelas, foi visto por uma média de 482 mil telespectadores, com 5,1% de audiência média e 10,3% de quota de mercado. Este novo recorde segue-se a novos máximos registados nos episódios de sexta e segunda-feira, com o ritmo de crescimento apenas a ser interrompido pelo episódio de terça, que enfrentou o jogo entre Benfica e PSV.

Nessa altura, a liderança das audiências estava com a parte final do Jornal da Noite (11,5% / 25%) e a segunda posição com o Jornal das 8 (8,8% / 18,9%). 

Pôr do Sol tem estado entre os trending topics do Twitter desde a estreia, e os episódios da série já dominam a lista dos conteúdos mais vistos da RTP Play.

Novelas da TVI mantêm-se na liderança

Esta semana, no campeonato das telenovelas a Quatro tem levado a melhor sobre a estação de Paço de Arcos. Festa é Festa continua a reunir a preferência dos telespectadores e voltou a ser o programa mais visto do dia (25). 

A trama de Bino foi acompanhada, em média, por um milhão 199 mil telespectadores, registando 12,7% de rating e 25,3% de share. Na segunda posição, ficou Amor Amor (12,3%/ 24,5%) com um milhão e 161 mil telespectadores. 

Em seguida, Bem Me Quer (10,8%/ 23,7%), que esta semana venceu todos os dias, começou na liderança, mas acabou por perdê-la para A Serra (10,2%/ 23,9%). 

Mais tarde, Amar Demais (8,2%/ 23,2%) viria a recuperar o primeiro lugar e entregou-o a Mulheres (4,7%/ 20,7%), que derrotou Tempo de Amar (5,6%/ 20,4%) e a repetição de Quem Quer Namorar Com o Agricultor (3,3%/ 17,5%). 

Nas contas totais do dia, SIC recuperou a liderança das audiências, com 20,2% de share, um valor acima da sua média anual (19,6%). Na segunda posição, a uma distância de 2,2 pontos percentuais da líder ficou a TVI com 18% de share, que nos últimos dias tem reduzido a distância do primeiro lugar. Distante das privadas, continua a RTP1, que regista mais um valor inferior a 10% de share (9,6%). 

Outros destaques do dia:

  • As manhãs continuam a ser dominadas pela Casa Feliz (3,9% / 19,7%). João Baião tem conduzido a emissão a solo e voltou a liderar a partir das 11h. Em segundo lugar, ficou o Dois às 10 (3,7% / 18,4%), que conseguiu a preferência durante a primeira hora do programa. No terceiro lugar, permanece a emissão matinal das 7 Maravilhas (1,6% / 8,5%). 
  • À hora de almoço, o Primeiro Jornal (8,7% / 28,7%) continua a ser o favorito dos portugueses, vencendo o Jornal da Uma (5,7% / 18,8%) e o Jornal da Tarde (3,9% / 12,6%).
  • Linha Aberta (4,9% / 20,1%) manteve-se na liderança e superou mais um episódio de A Única Mulher (4,3% / 17,5%).
  • Com o regresso das emissões em direto, Júlia (4,4% / 18,2%) tem conseguido liderar, deixando Goucha (3,8% / 15,7%) na segunda posição. A emissão da tarde de 7 Maravilhas (1,5% / 6,2%) continua muito longe do primeiro lugar.
  • Depois da troca de horários, as telenovelas da Globo, Orgulho & Paixão (5% / 18,1%) e Viver a Vida (6,9% / 22,6%), têm liderado do início ao fim. CristinaComVida (4,3% / 15,1%) permanece na segunda posição, mas foi ultrapassada por Portugal em Direto (3% / 10,9%) nos instantes finais.  
  • No acesso ao horário nobre, Quem Quer Namorar Com o Agricultor (8,1%/ 21,7%) foi o preferido e deixou O Preço Certo (7,1%/ 19,5%) na segunda posição e o diário de O Amor Acontece (5,3%/ 14,8%) na terceira. 

Dados de audiência Total Dia (Live+VOSDAL) da responsabilidade da GfK/CAEM para o dia 25 de agosto.