Ao Largo
Foto: SP Televisão

‘Ao Largo’. Conhece o elenco da nova série da RTP

No próximo ano, chega à estação pública uma nova série. ‘Ao Largo’ será protagonizada por Renato Godinho e Mikaela Lupu e terá 13 episódios.

O Campo de Santa Clara, em Lisboa, já começou a receber as gravações da nova série da RTP, Ao Largo, produzida pela SP Televisão. O Espalha-Factos acompanhou um dia de gravações e esteve à conversa com o elenco do projeto que tem estreia marcada para o próximo ano.

Em Ao Largo, “os destinos de uma família e de uma pequena comunidade estão nas mãos de uma mulher em fuga e de um pai em apuros, que têm tudo para se afastar, mas que o amor vai unir”, lê-se na sinopse do projeto.

José Fragoso, Diretor de Programas da RTP, refere que o projeto é dirigido ao grande público e que se trata de uma história “completamente aberta”. “Tem um lado importante que é olhar para um microcosmos dentro de uma cidade grande, uma cidade capital”, esclarece.

Sobre a história, José Fragoso adianta que serão várias as temáticas presentes numa grande cidade. “Vai haver tentativas de comprar, vai haver gente que vai tentar subornar outra gente, vai haver corrupção. Todos esses fenómenos que conhecemos e que vão ser tratados a partir deste Largo” (Largo de Santa Clara, em Lisboa), que dá o nome à série. “Este é um tema que ainda não tínhamos tratado em nenhuma das nossas séries. É um projeto que interessa porque é completamente moderno e adaptado àquilo que é a realidade atual e urbana”, avança.

Com 13 episódios, Ao Largo é protagonizada por Renato Godinho e Mikaela Lupu.

O elenco

André (Renato Godinho)
Foto: SP Televisão

André, pai de quatro filhos de quatro mulheres diferentes, é interpretado por Renato Godinho, que diz que a sua personagem “Tem uma relação com o sexo oposto muito fluída”. O ator descreve-o como “um brasileiro, um carioca surfista, cheio de problemas, mas desde que tenha uma água de coco e que a seleção jogue, tá tudo bem.”

Alice (Jamila Agostinho), Isabel (Leonor Vasconcelos), Tiago (Ricardo Ribeiro), Ricardo (Francisco Grilo)
Foto: SP Televisão

Sobre a construção do núcleo familiar, o ator ressalva a sensibilidade do realizador, Hugo Xavier. “Ele percebeu logo que tinha de haver um processo de ensaios de criação destas dinâmicas familiares”. Desde passeios no jardim zoológico, a ensaios no Largo de Santa Clara, tudo contribuiu para criar uma “verdade familiar” que o ator considerou interessante e fundamental para o sucesso da história. “Se eu estivesse lá em casa, eu tenho que acreditar que estas cinco pessoas são mesmo família”, refere.

Renato Godinho entende que Ao Largo “tem um registo muito leve, fresco com situações muito cómicas”.

O ator demorou 11 semanas a preparar a personagem. Desde o último dia da primeira temporada de Amor Amor, projeto que integrou na SIC, deixou de fumar, começou a fazer dieta e exercício físico.

Ao Largo
Leonor (Mikaela Lupu)
Foto: SP Televisão

Mikaela Lupu é Leonor, “uma aventureira, uma mulher que se faz à vida e que se desenrasca em qualquer situação”, palavras da atriz que, nos últimos projetos, tem assumido um registo mais sério e dramático e que vê esta sua nova personagem como um desafio. Para a atriz, Ao Largo é “um mergulho fresco”.

Filomena (Sandra Faleiro)
Foto: SP Televisão

Sandra Faleiro dá vida a Filomena, dona de um restaurante, “uma mulher do povo, uma lutadora”, como a descreve a atriz.

A oportunidade de integrar este tipo de formato é encarada pela atriz como um “golpe de sorte”. “Nós não mandamos na nossa vida. Andamos sempre aqui a tentar sobreviver e a mantermo-nos na profissão. Não sabemos como vai ser o dia de amanhã e isso é a nossa vida, faz parte da nossa condição enquanto trabalhadores independentes”, afirma.

Ernesto (Heitor Lourenço)
Foto: SP Televisão

A personagem de Heitor Lourenço (Ernesto) tem ideias muito claras e definidas para reformular o Campo de Santa Clara que, segundo o mesmo, está obsoleto. “Ele quer torná-lo num exemplo de modernidade”, conta o ator. “As ideias dele vão contra todos, o que faz com que assuma o papel de mau da fita”, acrescenta.

Sobre o mercado de ficção em Portugal, Heitor Lourenço considera que se assistiu, durante muito tempo, a uma especialização de um só produto. Diante de um género de ficção que permanece e se manifesta em força ao longo dos anos, as novelas, o ator mostra-se satisfeito perante a aposta neste tipo de formatos que considera “muito enriquecedores”. “É muito bom haver este investimento. Eu aqui tenho 13 episódios para fazer viver e para contar a história deste homem, enquanto na novela tenho 200”, acrescenta o ator.

Bruno (Carlos Malvarez)
Foto: SP Televisão

Carlos Malvarez dá vida a Bruno, um homem enigmático que colabora com a personagem de Joaquim Monchique, que o solicita para realizar serviços ligados à marginalidade e ao crime. O ator conta que, com o decorrer da história, Bruno se vê perante um dilema, “seguir com a vida que leva ou dedicar-se à sua paixão, que não se coaduna com a vida de mafioso”.

Sobre o projeto, o ator revela que o facto de trabalhar com Hugo Xavier e com a SP o agradou. “Isso foi logo motivo para embarcar no projeto”.

Dadinho (Aldo Lima)
Foto: SP Televisão

Eduardo Faustino (Dadinho), um rapaz muito centrado nele próprio, é interpretado por Aldo Lima. Egocentrismo e narcisismo são algumas das características da personagem que, segundo o ator, é “muito centrada no seu umbigo”.

Ramiro (Ângelo Torres)
Foto: SP Televisão

Ângelo Torres é Ramiro, uma personagem que integra o núcleo cómico da trama. O ator revela que é a primeira vez que faz este género de personagem, mais cómica, e mostra-se entusiasmado com o projeto.

Ao Largo, cujas gravações já arrancaram há um mês, tem estreia marcada para 2022 no canal público de televisão.

Lê também: Ricardo Carriço junta-se à SIC para próxima temporada de ‘O Clube’