Big Brother
Fotografia: Channel 7 Australia

‘Big Brother’. Sabe como vai ser a nova casa do reality show da TVI

O programa deverá manter-se no ar durante quase todo o ano de 2022.

Depois de três edições do Big Brother em 2020 e 2021, a TVI prepara-se para arrancar com uma renovada versão do formato. A aposta, que promete novidades, deverá manter-se no ar durante quase todo o ano de 2022 – e terá um cenário idêntico à casa da última edição do Big Brother Austrália, sabe o Espalha-Factos.

O espaço que vai receber os concorrentes do Big Brother será um pré-fabricado, situado na Malveira, refere a revista Nova Gente. O armazém industrial utilizado para montar a casa tem 6436 metros quadrados de área total, 4650 de área coberta.

A estratégia seguida é idêntica à utlizada na versão australiana do concurso, que utilizou um armazém próximo de Sidney para montar a casa de aspeto futurista que serviu de palco à última edição, transmitida em abril deste ano no Channel 7.

O espaço foi transformado numa área com múltiplas divisões, entre as quais um jardim amplo, quartos, cozinha, o tradicional confessionário e a cave, um ginásio apto para receber provas radicais – que a TVI também promete para a versão portuguesa ao pedir concorrentes que gostem “de novas experiências e viver desafios radicais”.

Vê as imagens da casa do Big Brother Austrália:

 

Cristina Ferreira, Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI, partilhou em julho, através do Instagram Stories, as primeiras imagens da construção da casa do reality, onde mostrou uma prévia das obras no armazém reaproveitado.

Sabe-se que esta casa terá um espaço exterior com jardim e piscina e que terá um “look and feel tecnológico com um lado gaming”, refere a informação comercial dirigida a anunciantes. Além disso, terá uma divisão especial de grandes dimensões onde se vão desenrolar as grandes provas e ações comerciais.

Big Brother
Fotografias: Instagram/Cristina Ferreira

Programa no ar durante quase todo o ano em 2022

A versão australiana do formato é habitualmente mais curta que a portuguesa. A 12.ª edição, a última a estar no ar, foi gravada entre outubro e dezembro de 2020 e foi transmitida entre abril e julho deste ano. Durante apenas 63 dias, 23 concorrentes ao todo competiram por um prémio de 250 mil dólares. Ao longo da estadia na casa, os housemates – assim são chamados – enfrentam desafios, missões e provas físicas para decidir quem fica na casa e quem se sagra vencedor.

A nova edição portuguesa, ao contrário da inspiração do Big Brother Austrália, terá uma duração maior. A TVI planeia mesmo manter o programa no ar durante quase todo o ano de 2022, com uma pausa de verão, apurou o Espalha-Factos.

As últimas versões do concurso produzidas no país também se desdobraram em edições que acabaram por manter o programa no ar durante quase um ano. Para assinalar os 20 anos da primeira edição do em Portugal, a quatro voltou a produzir o formato em 2020. Apresentado por Cláudio Ramos, o Big Brother 2020 esteve no ar entre abril e agosto, terminando com a vitória de Soraia. Com um mês de pausa, o programa regressou a antena em setembro, conduzido por Teresa Guilherme. A edição A Revolução chegou ao fim na noite de passagem de ano, com a concorrente Zena a arrecadar o prémio final.

Já este ano, a estação emitiu o Duplo Impacto, que esteve no ar de janeiro até ao final de março. Cláudio Ramos e Teresa Guilherme, os apresentadores das duas anteriores edições, juntaram-se na condução deste especial, que juntou concorrentes de vários reality shows da TVI na casa da Ericeira. O programa terminou com a vitória de Joana, que se tinha estreado na edição anterior.

Ouve também: Fita Isoladora. Precisamos de mais um ‘Big Brother’ já este ano?

A nova edição do Big Brother português já recebeu mais de 17 mil inscrições, que terminam esta sexta-feira (20). O programa tem 100 mil euros em jogo. Não se conhece, ainda, quem irá conduzir esta edição do programa, depois de Cláudio Ramos, Teresa Guilherme e de uma dupla com os apresentadores.

A nova temporada do reality show mais famoso do mundo é, segundo a TVI“um regresso ao conceito original” do programa. Lurdes Guerreiro, Diretora de Produção Nacional do canal, explicou que “este é um formato que já faz parte da identidade da TVI, mas que continuamos a reinventar”, acrescentando que “a nova edição do programa vai misturar ação, mistério e muitas emoções”.