festa é festa
Foto: TVI/Divulgação

‘Festa é Festa’ supera audiência do regresso de ‘Patrões Fora’

Em mais um sábado de liderança da SIC, o horário nobre revelou-se mais competitivo, com Festa é Festa a superar o regresso de Patrões Fora.

Festa é Festa é o programa mais visto do dia

A principal novela TVI voltou a repetir uma passagem pelo sábado, tendo alcançado o posto de programa mais visto do dia com um milhão e 22 mil espectadores. A trama conquistou uma audiência média de 10,8% e um share de 23,0%.

Na SIC, o regresso de Patrões Fora, numa temporada de verão, não foi além de 9,9% de rating e 21,2% de quota de mercado. O programa perdeu contra a novela da TVI, mas venceu o compacto Festa é Festa – O Soco, que foi emitido antes do episódio inédito.

Na sequência do horário nobre, Quem Quer Namorar com o Agricultor – A Semana (4,8% / 16,6%) atingiu um máximo de audiência, mas foi alternando na liderança com Mental Samurai (6,4% / 16,7%). Contudo, quando entrou em cena O Amor Acontece – Compacto Sábado (3,5% / 13,1%), a aposta da SIC liderou de forma isolada.

Alô Marco Paulo
Fotografia: SIC/Divulgação

Primeiro Jornal demolidor,Volta a Portugal atrapalha Marco Paulo e Em Família

Foi por pouco, mas o Primeiro Jornal teve de se contentar em ser o segundo programa mais visto do dia. O jornal de Paço de Arcos atingiu uns demolidores 10,7% de rating e uma quota de mercado de 31%, tendo liderado de forma clara sobre o Jornal da Uma (5,5% / 16,1%) e sobre Jogos Olímpios Tóquio 2020 – Futebol: Brasil x Espanha (3,5% / 11,0%).

À boleia dos bons resultados do noticiário, Alta Definição – Especial – Patrícia Mamona (7,8% / 24,3%) manteve a liderança do lado da SIC. Contudo, com o término do programa e a entrada em cena do E-Especial (5,3% / 17,1%), a liderança saltou para o Conta-me da TVI (5,8% / 18,1%), com uma entrevista a Fanny.

Com a Volta a Portugal a iniciar-se, a RTP1 saltou para uma liderança clara durante grande parte da tarde. O bloco de transmissões da prova fidelizou 6,0% de rating e 19,6% de share, os melhores registos audiométricos da atual temporada. Ao mesmo tempo, Alô Marco Paulo (4,1% / 12,7%) e Em Família (3,9% / 12,1%) discutiram a vice-liderança.

O bloco Há Volta – Covilhã (3,5% / 10,9%), emitido após a prova, cedeu a liderança temporariamente para os programas de entretenimento das privadas, apenas para regressar ao primeiro canal no final da tarde com o Preço Certo (5,0% / 13,7%).

Com as dificuldades sentidas à tarde e à noite, a SIC manteve o primeiro lugar do dia, mas conquistou apenas 16,7% de share, muito abaixo da sua média anual de 19,6%. Em segundo lugar, a TVI também não foi além de 13,7%, igualmente longe da média de 2021 de 17,1%. A fechar o pódio, a RTP1 alcançou 11,5%, marginalmente acima da média anual de 11,3% de share. Nota ainda para a RTP2, que continua a beneficiar das transmissões dos Jogos Olímpicos e encerrou o dia com 2,5%, largamente acima da média anual de 1,1% de quota de mercado.

Outros destaques:

  • A performance matinal foi determinante para cimentar a liderança diária de Paço de Arcos, com Estamos em Casa (2,2% / 13,5%) e O Nosso Mundo (6,3% / 21,9%) a darem uma liderança contínua ao canal a partir das 10h e que continuou com o Primeiro Jornal e o Alta Definição.
  • O Jornal da Noite (9,4% / 21,6%) continua a ser um porto seguro para a SIC, tendo liderado contra o Jornal das 8 (7,4% / 17,1%) e o Telejornal (6,6% / 15,5%).
  • A RTP1 esteve abaixo dos 10% toda a noite após o noticiário, com É Urgente o Amor! (4,5% / 9,7%) e Não Te Esqueças da Letra (3,2% / 8,2%) a prejudicarem a média do canal.
Dados de audiência Total Dia (Live+VOSDAL) da responsabilidade da GfK/CAEM.