Jogos Olímpicos
Fotografia: D.R.

Jogos Olímpicos. Porque é que a cobertura parece “apagada”? O que os acordos de transmissão mudaram este ano

Os Jogos Olímpicos Tóquio 2020 decorrem a todo o vapor e tomaram conta da antena de canais de todo o mundo. Em Portugal a transmissão acontece na RTP, mas parece, para vários espectadores até a nível global, demasiado “apagada”. O Fita Isoladorapodcast de quinta-feira do Espalha-Factos, analisa as razões para as mudanças na cobertura televisiva dos Jogos.

Ouve o Fita Isoladora desta semana:

A transmissão desta edição dos Jogos Olímpicos na Europa está na responsabilidade do grupo Discovery, a quem o Comité Olímpico Internacional decidiu vender os direitos para todo o continente num acordo milionário. A RTP adquiriu os direitos de transmissão da prova ainda em 2018, através de uma operação de sublicenciamento ao grupo norte-americano, proprietário dos canais Eurosport.

No caso português, a RTP tem direito a transmitir 200 horas de provas, divididas pela RTP1 e RTP2. Olhando para casos como o do Reino Unido, a BBC apenas tem direito a transmitir 350 horas de imagens, um número em muito inferior ao que era hábito do canal britânico. Esta decisão, fora do controlo das emissoras e a acontecer por questões de direitos impostas pelo grupo Disovery, está a gerar controvérsia, com espectadores ingleses a acusar o grupo de “roubar” os Jogos do canal público.

Lê também: Jogos Olímpicos levam RTP2 a máximo de audiências anual

A maioria da cobertura no espaço europeu é emitida através dos canais Eurosport. Para se poder ver tudo da mesma forma que era possível até à anterior edição do evento, com os canais a ter possibilidade de transmitir mais horas e em mais plataformas, a Discovery obriga a subscrever a sua nova plataforma de streamingDiscovery+.

O painel do Fita Isoladora, composto por Pedro Miguel CoelhoJoão Malheiro e Tiago Serra Cunha, analisa as especificidades da transmissão e aponta os motivos pelos quais a emissão na televisão é “variada e completa”, mas “parece apagada” face a anos anteriores.

Este e todos os episódios do Fita Isoladora estão disponíveis para audição e subscrição nas plataformas SpotifyApple PodcastsGoogle PodcastsAnchorBreaker e RadioPublic.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.