Diana Chaves e João Baião apresentam Casa Feliz
Fotografia: Instagram

Baião pensava que dupla com Diana Chaves era transitória: “Em setembro vêm os verdadeiros”

Esta terça (20), a SIC comemorou o primeiro aniversário do programa Casa Feliz. João Baião confessou que, no início, pensava que ele e Diana Chaves seriam “apresentadores transitórios” naquele horário.

Em conversa com João Moleira, Conceição Lino e Liliana Campos, o apresentador explicou ter dito à colega que “os verdadeiros“, os apresentadores definitivos, viriam em setembro, com a solução encontrada a ser apenas uma forma de preencher aquele espaço até ao lançamento da nova grelha. “Agora é inequívoco que daqui já ninguém vos tira, Portugal adora-vos. Já vos adorava, mas agora enquanto dupla adora-vos“, sublinhou o jornalista João Moleira.

Recordamos que Casa Feliz foi um programa preparado em 48 horas para substituir O Programa da Cristina, que terminou de forma repentina na tarde de 17 de julho, quando Cristina Ferreira abandonou o canal, rompendo de forma abrupta o contrato que a ligava à SIC.

Lê também: Um ano de emissões de uma ‘Casa’ que continua ‘Feliz’

Na edição de aniversário, João Baião e Diana Chaves realçaram o trabalho de toda a equipa que põe o programa no ar, e a apresentadora sublinhou o agradecimento ao público, por lhe ter dado “liberdade para crescer ao lado do meu companheiro de viagem, o meu querido João” e ainda pela oportunidade para “falhar e aprender em direto“. O apresentador, com mais de 30 anos de carreira, sublinha como a colega é “uma mulher maravilhosa, inteligente e sensível“.

Estreado em julho de 2020, Casa Feliz é o programa líder das manhãs, tendo aumentado a distância para a concorrência desde o mês de abril, com Dois às 10 a ter vencido apenas uma vez nos últimos três meses.