Anthony Ramos e Melissa Barrera em 'In The Heights'

16 razões para veres (e reveres) ‘Ao Ritmo de Washington Heights’

Tudo [no filme] é uma carta de amor a este bairro incrível. É o primeiro capítulo em muitas histórias – as histórias americanas começam aqui.” Estas são as palavras que Lin-Manuel Miranda usou para descrever o filme Ao Ritmo de Washington Heights.

Chegou às salas de cinema portugueses no dia 10 e se ainda não viste o filme, estes factos vão convencer-te a comprar um bilhete. Se já o viste, conta-nos se já sabias disto.

  1. O criador das letras das músicas, Lin-Manuel Miranda (criador do musical Hamilton), começou a trabalhar no musical In the Heights com 19 anos, enquanto estava no segundo ano na Universidade de Wesleyan, no Connecticut, Estados Unidos.
Lin-Manuel Miranda
Lin-Manuel Miranda (Fotografia: Shutterstock)
  1. Ao escrever as músicas para o musical original In the Heights, Lin-Manuel Miranda usou vários estilos, como hip-hop, salsa, teatro musical, R&B e pop para representar os diferentes tipos de música, provenientes de diferentes sítios, que um indivíduo pode ouvir se estiver a passar por Washington Heights.
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. A adaptação do musical In the Heights para cinema teve inspiração no livro homónimo de Quiara Alegría Hudes, que assume também a função de argumentista no filme.
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Lin-Manuel Miranda e Quiara Alegría Hude chamam casa ao bairro de Washington Heights. O criador/produtor das músicas cresceu neste bairro e ainda vive lá.
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. O realizador do filme, Jon M. Chu (Asiáticos Doidos e Ricos), e Lin-Manuel Miranda são ambos americanos de primeira geração.
Lin-Manuel Miranda e Jon M. Chu nos bastidores do filme 'Ao Ritmo de Washington Heights'
Lin-Manuel Miranda e Jon M. Chu nos bastidores (Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. O filme foi mesmo gravado no bairro de Washington Heights, Nova Iorque, com a produção concentrada na esquina da 175th com a Audubon.
Bairro de Washington Heights
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. No bairro, muitas lojas conhecidas que tinham placas LED foram transformadas em lojas mom-and-pop (pequenas lojas de família) pelo departamento de design de produção para as gravações do filme.
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Melissa Barrera, que dá vida à personagem de Vanessa, fez uma audição para a produção original do musical da Broadway enquanto frequentava a Universidade de Nova Iorque. Depois de acabar a Universidade, regressou ao México, o seu país de origem, onde se tornou uma estrela. Mais tarde, Barrera volta para os Estados Unidos e consegue o papel de Vanessa.
Anthony Ramos e Melissa Barrera em 'In The Heights'
Anthony Ramos e Melissa Barrera em ‘In The Heights’
  1. Antes do filme começar a ser gravado, o elenco completo e todos os bailarinos participaram num campo de treino musical, que durou 10 semanas, para aprenderem os papéis e as coreografias de canto e dança.
Elenco de Washington Heights a dançar
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Para o número “96.000”, o realizador Jon M. Chu coordenou quase 540 bailarinos e figurantes na piscina de Highbridge Park, durante dois dias nublados e frios. Na maior parte do tempo, Jon estava dentro da piscina com o elenco.
Bailarinos de Washington Heights
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Foi também com “96.000” que Jon usou várias vezes um iPad para planos das filmagens.
Jon M. Chu nos bastidores do filme
Jon M. Chu nos bastidores do filme (Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Durante as filmagens, era frequente a atual comunidade do bairro de Washington Heights oferecer à produção do filme comida caseira.
(Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. A única pessoa que representa a mesma personagem no musical da Broadway e agora na adaptação para o grande ecrã é Olga Merediz, na pele de Abuela Claudia (papel esse que a tornou numa vencedora de um prémio Tony).
Olga Merediz na pele de Abuela Claudia
Olga Merediz na pele de Abuela Claudia (Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Ao Ritmo de Washington Heights reúne três atores que fizeram parte do elenco original do musical HamiltonLin-Manuel Miranda (Piragüero), Anthony Ramos (Usnavi) e Chris Jackson (Mister Softee Truck Driver), que, respetivamente, deram vida a Alexander Hamilton, John Laurens/Philip Hamilton e George Washington.
Jon M. Chu, Lin-Manuel Miranda e Anthony Ramos nos bastidores
Jon M. Chu, Lin-Manuel Miranda e Anthony Ramos (Fotografia: NOS / Divulgação)
  1. Para gravar o número “Carnaval del Barrio”, que demorou 14 horas, foi preciso grande parte do elenco, mais 60 dançarinos e parte da equipa de filmagem, todos reunidos nas traseiras de quatro edifícios de apartamentos, durante um dia quente de verão de Nova Iorque (que são muito quentes e abafados).
(Fotografia: NOS / Divulgação)
    1. O coreógrafo Christopher Scott, colaborador de longa data do realizadro Jon M. Chu, contratou uma equipa de coreógrafos especialistas nos vários tipos de dança exibidos no filme (Mambo, Salsa, Bachata, Son, Palo, Ballet Contemporâneo, Orishas, Dancehall, Litefeet, Jazz, entre outros).
(Fotografia: NOS / Divulgação)

Surpreendemos-te com alguma informação? Conta-nos nos comentários.

Lê também: Dia Mundial do Refugiado. “O sentimento de segurança é muito mais amplo do que a ausência de conflito”

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.