Nomadland chega aos cinemas após um confinamento que durou três meses
Frances McDormand em 'Nomadland' | Fotografia: Divulgação

Prémios BAFTA 2021. ‘Nomadland’ dominou com várias surpresas

A cerimónia dos prémios BAFTA, da Academia de Cinema e Televisão Britânica, realizou-se, mais uma vez, no Royal Albert Hall, prometendo premiar aqueles que mais se destacaram no mundo do cinema em 2020 e início de 2021, com um especial olhar na sétima arte britânica.

A gala, que pela primeira vez na sua história se realizou em duas noites (10 de abril e 11 de abril), foi apresentada por Clara Amfo na primeira noite, que premiou as categorias mais técnicas, e por Edith Bowman e Dermot O’Leary na segunda, que entregou os prémios das categorias mais aguardadas e importantes dos prémios BAFTA.

Como já tem sido hábito nas premiações deste ano, o drama Nomadland voltou a dominar as categorias principais, com vitória em quatro dos prémios mais importantes: Melhor Filme, Melhor Realização, Melhor Atriz e Melhor Cinematografia. A vitória de Frances McDormand pela sua interpretação da nómada Fern nesse mesmo filme, foi uma das surpresas da noite, juntamente com a premiação na categoria de Melhor Ator, prémio dado a Anthony Hopkins pela sua participação no filme The Father, levando de vencido Chadwick Boseman, o grande favorito à vitória nos Óscares que acontecem daqui a 15 dias. 

Promising Young Woman, um dos favoritos à vitoria do galardão de Melhor Filme nos Óscares, sai da cerimónia com duas estatuetas, conseguindo uma das surpresas da noite ao vencer o prémio de Melhor Argumento Original e Melhor Filme Britânico. Apesar de tudo, é de estranhar a ausência de Carey Mulligan no BAFTA para Melhor Atriz.

Conhece agora a lista completa de vencedores:

Melhor Filme

Nomadland (Mollye Asher, Dan Janvey, Frances McDormand, Peter Spears e Chloé Zhao)

Melhor Realização

Chloé Zhao (Nomadland)

Melhor Ator

Anthony Hopkins (The Father)

Melhor Atriz

Francis McDormand (Nomadland)

Melhor Ator Secundário

Daniel Kaluuya (Judas and The Black Messiah)

Melhor Atriz Secundária

Youn Yuh-jung (Minari)

Melhor Argumento Original

Promising Young Woman (Emerald Fennell)

Melhor Argumento Adaptado

The Father (Christopher Hampton e Florian Zeller)

Melhor Curta-Metragem de Animação

The Owl and Pussycat (Mole Hill e Laura Duncalf)

Melhor Curta-Metragem

The Present (Farah Nabulsi)

Melhor Filme de Animação

Soul (Pete Docter e Dana Murray)

Melhor Documentário

My Octupus Teacher (Pippa Ehrlich, James Reed e Craig Foster)

Melhor Filme em Língua Estrangeira

Another Round (Thomas Vinterberg, Kasper Dissing e Sisse Graum Jørgensen)

Melhor Casting

Rocks (Lucy Pardee)

Melhor Cinematografia

Nomadland (Joshua James Richards)

Melhor Figurino

Ma Rainey’s Black Bottom (Ann Roth)

Melhor Edição

Sound of Metal (Mikkel E.G. Nielsen)

Melhor Maquilhagem

Ma Rainey’s Black Bottom (Matiki Anoff, Larry M. Cherry, Sergio Lopez-Rivera e Mia Neal)

Melhor Banda Sonora Original

Soul (Trent Reznor, Atticus Ross e Jon Batiste)

Melhor Design de Produção

Mank (Donald Graham Burt e Jan Pascale)

Melhor Som

Sound of Metal (Jaime Baksht, Nicolas Becker, Phillip Bladh, Carlos Cortés e Michelle Couttolenc)

Melhores Efeitos Visuais

Tenet (Scott R. Fisher, Andrew Jackson e Andrew Lockley)

Melhor Filme Britânico

Promising Young Woman (Emerald Fennell, Ben Browning, Ashley Fox e Josey McNamara)

Melhor Estreia de Realizador/Produtor/Escritor Britânico

His House (Remi Weekes)

Prémio Novo Talento

Bukky Bakray

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Godzilla vs Kong
‘Godzilla vs Kong’: O legado dos dois titãs do cinema