Meghan
Fotografia: Harpo Productions/CBS

Entrevista a Meghan e Harry já tem data anunciada na SIC

A transmissão da entrevista que Meghan Markle e o Príncipe Harry, duques de Sussex, deram à apresentadora Oprah Winfrey terá emissão exclusiva na SIC já este domingo, de acordo com informações oficiais dadas pelo canal ao Espalha-Factos.

A exibição, na SIC generalista, terá lugar depois da estreia de Hell’s Kitchen, a nova grande aposta do canal de Paço de Arcos para as noites de domingo. “É a entrevista bombástica mais comentada em todo o mundo esta semana! ‘Meghan e Harry com Oprah’ para ver na íntegra, em exclusivo nacional, este domingo à noite, logo após a estreia de ‘Hell’s Kitchen’, numa grande noite de televisão da SIC, promete Daniel Oliveira, diretor-geral de entretenimento do grupo Impresa, no Instagram.

A aquisição dos direitos de transmissão deste especial, que tem gerado curiosidade nos espectadores e bateu recordes de audiências, está a ser alvo de altas licitações em todo o mundo. A britânica ITV relata “uma corrida desenfreada” pela compra. No Reino Unido, o canal, para conseguir transmitir a entrevista, desembolsou uma quantia equivalente a 1,17 milhões de euros.

Entrevista provoca debate em todo o mundo

A conversa de Oprah Winfrey com os membros da família real, que optaram por abandonar todas as funções oficiais ao serviço da Coroa britânica, tem marcado o debate nos últimos dias. As informações relativas a atitudes racistas por parte de membros da instituição real – nome dado ao conjunto de membros que incluem pessoas fora da família real, como conselheiros e intelectuais – são as que mais têm dado que falar após as declarações de Meghan. A duquesa, cuja mãe é afro-americana e o pai branco, considera um “ataque” a mudança de regras durante a sua gravidez, que impediam o filho Archie de receber o título de príncipe e, por consequência, maior proteção.

O casal está certo que esta decisão terá partido de preocupações quanto à cor da pele da criança, uma vez que fora diversas vezes perguntado a Harry “quão escuro” poderia vir a ser o seu filho. O príncipe, no entanto, não revela quem proferiu este tipo de ataques a Meghan; Oprah esclareceu, numa entrevista à CBS após a transmissão, que Harry garante não se tratar de declarações da Rainha Isabel II ou do príncipe Phillip.

O casal falou ainda sobre a recusa de apoio mental a Meghan Markle, que expôs diversas vezes o seu estado de saúde à instituição. A ex-atriz explica que o apoio médico lhe foi negado, mesmo tendo expressado pensamentos mais graves durante a sua gravidez: “simplesmente não queria viver mais. Isso era muito claro e um pensamento real e constantemente assustador”, disse.

Em atualização.