Festival da Canção
RTP/Divulgação

Festival da Canção 2021. Estas foram as reações à segunda semifinal

A segunda semifinal do Festival da Canção 2021 foi para o ar na noite deste sábado (27), em direto a partir do Estúdio 1 da RTP. Mais dez concorrentes lutaram por um dos cinco passes para a final do próximo sábado, juntando-se aos outros cinco finalistas já apurados.

Contrariamente ao que havia ocorrido na primeira semifinal, na rede social Twitter, a hashtag #FestivaldaCanção não esteve em primeiro lugar nas tendências em Portugal durante a transmissão, mantendo-se, ainda assim, nos primeiros lugares dos destaques. Os adereços escolhidos por Inês Lopes Gonçalves foram alvo de uma das primeiras referências da noite na rede social.

O utilizador Ruben destacou as atuações muito estáticas por parte dos concorrentes e as semelhanças no staging das várias atuações.

No que toca aos looks da noite, a atuação de Tainá suscitou comparações com a concorrente da apuração sueca Lovad e com a cantora Minnie Riperton. Já o visual de Pedro Gonçalves fez relembrar o ator Ashton Kutcher.

A atuação de Da Chick levou alguns seguidores a recordar o ambiente de discoteca, pelo staging e pela própria energia da canção.

O saxofone em palco junto a Pedro Gonçalves não passou despercebido aos seguidores da emissão, suscitando comparações com o conhecido Epic Sax Guy, participante na Eurovisão de 2010 e de 2017.

Também NEEV não escapou a comparações. Houve quem destacasse as semelhanças entre a atuação do compositor e intérprete e a de Duncan Laurence, vencedor da última edição da Eurovisão, em 2019.

Agir fez uma homenagem ao pai, Paulo de Carvalho, interpretando os temas ‘Flor Sem Tempo’, segunda colocada da apuração nacional em 1971, e ‘E Depois do Adeus’, representante portuguesa em 1974. Nas redes sociais, o momento surpreendeu e emocionou os seguidores.

Ouve o EFVisão, novo podcast do EF sobre o Festival da Canção:

Depois da vitória de Elisa com ‘Medo de Sentir’ em 2020, segue agora a busca pelo novo representante português na próxima edição do Festival Eurovisão da Canção, que acontece em maio em Roterdão, nos Países Baixos. A RTP garantiu a presença de Portugal no concurso europeu, que tem planeados vários cenários para que o festival aconteça mesmo em situação pandémica.

Na primeira semifinal, ‘Love is on My Side’ (The Black Mamba), ‘Na Mais Profunda Saudade’ (Valéria), ‘Dia Lindo’ (Fábia Maia), ‘Saudade’ (Karetus & Romeu Bairos) e ‘Contramão’ (Sara Afonso) foram os cinco temas a transitar para a final. Já na noite deste sábado, ‘Não Vou Ficar’ (Pedro Gonçalves), ‘Por Um Triz’ (Carolina Deslandes), ‘Dancing In The Stars’ (NEEV), ‘Joana do Mar’ (Joana Alegre) e ‘VOLTE-FACE’ (EU.CLIDES) carimbaram os respetivos passaportes para a final.

Mais Artigos
Mental Samurai Pedro Teixeira
‘Mental Samurai’ regressa à TVI após derrota no sábado