Big Brother - Duplo Impacto
Big Brother - Duplo Impacto. Fotografia: TVI/Instagram

Audiências. ‘Big Brother’ bate máximos e distancia-se de ‘A Máscara’

A SIC voltou a ser líder neste domingo (21), mas o reality show da TVI manteve a liderança no seu horário e dominou ao final da noite.

A emissão deste domingo de Big Brother – Duplo Impacto voltou a ser líder no seu horário e registou os melhores valores da temporada. O reality show saltou para liderança após o final de Isto é Gozar com Quem Trabalha, e foi aumentando a margem ao longo da noite, segundo os dados da GfK/CAEM.

O programa de Teresa Guilherme e Cláudio Ramos começou atrás da SIC, com 11,8% de audiência e 20,7% de share no primeiro bloco. Embora tenha registado a pior audiência da temporada, Isto é Gozar com Quem Trabalha (13,5% / 22,5%) foi o programa mais visto do dia.

O segmento A Entrevista (13,1% / 22,7%), em que Ricardo Araújo Pereira recebeu Mariana Mortágua, também foi o menos visto da temporada mas manteve-se à frente da TVI. Às 22h27, quando foi para o ar a primeira parte de A Máscara (10,8% / 20,3%), a estação de Queluz passou para a frente.

A partir das 23 horas o domínio da TVI foi mais claro. O Jogo (12,2% / 27,6%) foi o bloco mais visto do Big Brother, com 1 milhão e 154 mil espectadores, o melhor valor da temporada. Pela noite dentro, as Nomeações (10,7% / 36,6%) e a Ligação à Casa (3,8% / 24,1%) também bateram novos máximos de audiência e de share.

A Máscara ocupou o segundo lugar no horário, com Confronto Final (9,0% / 20,6%), Revelação Final (7,6% / 22,6%) e o compacto As Revelações (2,6% / 13,1%). The Voice Kids (9,9% / 17,9%) voltou a ficar em terceiro lugar em média. No entanto, o programa da RTP1 conseguiu intrometer-se na luta entre as privadas, tendo superado A Máscara durante alguns momentos.

O crescimento do Big Brother contribuiu para uma aproximação da TVI, mas a SIC retomou a liderança diária, com 18,6% de share, depois de dois dias com piores resultados. A estação de Queluz ficou a sete décimas, com 17,8%, enquanto a RTP1 não foi além dos 10%. No cabo, CMTV (4,2%) e Hollywood (3,1%) foram os canais mais vistos.

Lê também: ‘All Together Now’ já tem data de estreia definida
Outros destaques do dia
  • A luta entre os programas de domingo à tarde manteve-se renhida, com Domingão (8,4% / 17,2%) e Somos Portugal (8,1% / 16,9%) a alternarem na liderança ao longo da tarde. O programa da SIC, dedicado à novela A Serra, conseguiu uma ligeira vantagem.
  • Vida Selvagem atingiu um novo máximo ao final da manhã. O Charco: Um Oásis em África (10,1% / 25,7%) foi visto por 952 mil espectadores, conseguindo o melhor share do ano para os documentários de domingo da SIC.
  • O Primeiro Jornal (12,9% / 28,6%) voltou a dominar à hora de almoço, deixando longe o Jornal da Uma (8,5% / 18,8%) e o Jornal da Tarde (5,2% / 11,6%). O noticiário da RTP1 teve mesmo o pior share do ano.
  • Também o Telejornal (6,4% / 10,5%) se destacou pela negativa, com os piores valores do ano, ficando a milhas do Jornal da Noite (13,4% / 22,0%) e do Jornal das 8 (11,6% / 19,1%).
  • Ao final da tarde, o último episódio de O Jovem Montalbano (1,6% / 3,2%) reuniu uma média de 153 mil espectadores na RTP2 e registou o melhor share da temporada.