Cultura
Fotografia: Teatro Nacional D. Maria II

Setor da Cultura pede pelo menos 2.5% da ‘bazuca’ europeia

Várias associações ligadas à organização de espetáculos pediram, numa carta aberta revelada no passado domingo, para que o país invista na Cultura 2.5% dos fundos da ‘bazuca’ europeia de resposta à crise provocada pela Covid-19.

“2,5% das verbas da bazuca europeia para a Cultura é o mínimo que uma sociedade civilizada, moderna e democrática pode investir. 2,5% para a Cultura é o mínimo que esperamos de Vossas Excelências”, pode ler-se na carta aberta dirigida a Marcelo Rebelo de SousaAntónio Costa e à Ministra da Cultura, Graça Fonseca.

Entre os subscritores do texto encontram-se a Associação Espetáculo — Agentes e Produtores Portugueses (AEAPP), a Associação Promotores de Espetáculos, Festivais e Eventos (APEFE), a Associação Portuguesas de Festivais de Música (APORFEST) e a Associação Portuguesa de Serviços Técnicos para Eventos (APSTE), que relembraram que o setor da Cultura foi um dos mais afetados pela pandemia, com quebras financeiras superiores a 80% em 2020.

As associações reforçam a necessidade da Cultura ser incluída como um dos beneficiários dos fundos comunitários para a recuperação económica.

Luís Pardelha, da direção da APEFE, em declarações à agência Lusa, afirmou que 2.5% está em linha com o que está previsto para o setor da Cultura noutros países, acrescentando que quebras de 80% representam “um número avassalador, um verdadeiro terramoto no setor”.

A discussão pública para a distribuição de verbas começou esta segunda-feira (15), num altura em que também estão em curso conversações entre o Governo e as autoridades de saúde para se encontrar soluções que permitam retomar alguma atividade no setor, não só para os grandes eventos, como festivais de verão, mas também para eventos de menor dimensão, como é o caso de eventos municipais, que são essenciais para a sobrevivência das empresas.

O responsável da APEFE sublinhou que a atitude responsável de todo o setor ao longo da pandemia é merecedora de “um voto de confiança” por parte do Governo e autoridades de saúde, mas que mais do que isso a cultura precisa de apoio financeiro e de poder trabalhar.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Whatsapp
WhatsApp. Quais as consequências para quem não aceitar a nova política de privacidade?