Big Brother
TVI/Divulgação

Audiências. ‘A Máscara’ e ‘Big Brother’ batem mínimos na mesma noite

Numa noite em que as privadas dividiram a liderança, os principais formatos de entretenimento foram a mínimos

SIC liderou, este domingo (14), o horário nobre até ao final do programa de Ricardo Araújo Pereira, quando a TVI passou a assumir a dianteira. A repartirem entre si a liderança das audiências, os dois canais privados viram, ainda assim, os seus principais formatos de entretenimento registarem mínimos.

A estação de Paço de Arcos, que já vinha a assumir a liderança desde a hora de almoço, manteve a tendência com o informativo de horário nobre. O Jornal da Noite (14%/23%) foi acompanhado por uma média de 1 milhão e 322 mil telespetadores, sendo o segundo programa mais visto do dia. À mesma hora, o Jornal das 8 (11,4%/18,8%) mantinha-se também acima do milhão de espetadores – 1 milhão e 81 mil -, deixando atrás o Telejornal (7,1%/11,7%).

Isto é Gozar com Quem Trabalha (14%/23,8%) foi o programa mais visto do dia, assegurando uma média de 1 milhão e 323 mil telespetadores. A fechar o top 3 do dia, integralmente da SIC, ficou o espaço de entrevista do programa de humor, que neste domingo recebeu Ana Catarina MendesIsto é Gozar com Quem Trabalha – A Entrevista (13,4%/23,3%) fidelizou uma média de 1 milhão e 264 mil telespetadores.

Com o final do programa de Ricardo Araújo Pereira, a SIC abandonou o primeiro posto. A Máscara – Especial (10,4%/19,6%) registou os valores mais baixos de audiência média e quota de mercado desde a estreia. Em média, estiveram sintonizados à emissão 982 mil telespetadores. Na TVI, o primeiro bloco de Big Brother – Duplo Impacto (10,7%/19,1%), que só assumiu a liderança das audiências frente ao programa de João Manzarra, também marcou os valores mínimos de rating share desde a estreia, fidelizando uma média de 1 milhão e 9 mil telespetadores.

Ao primeiro momento, seguiu-se o bloco de maior audiência do realityO Jogo (10,8%/24,1%) conquistou uma audiência média de 1 milhão e 23 mil telespetadores. Seguiram-se ainda Nomeações (9,4%/31,3%) e Ligação à Casa (3,4%/23,8%), este último com as melhores marcas de audiência média e quota de mercado desde a estreia. A SIC emitiu também os blocos Confronto Final (9,4%/20,9%), Revelação Final (8,8%/26,3%) e As Revelações (4,6%/20,4%).

A estação pública manteve-se em terceiro com a emissão do The Voice Kids (9,5%/17,7%), acompanhada por uma média de 901 mil telespetadores. O bloco The Voice Kids – Surpresas (3,7%/10,2%) marcou os valores de audiência média e quota de mercado mais baixos desde a estreia.

Nos totais do dia, a SIC ficou em primeiro, com 19,1% de share, à frente da TVI (17,8%) e da RTP1 (10,5%). No Cabo, a CMTV destacou-se com 4,1% e, no universo informativo, a SIC Notícias liderou com 1,5%.

Outros destaques:

Domingão
SIC/Divulgação
  • A emissão do Olhá SIC (3%/13,1%) não conseguiu fazer frente ao Bom Dia Portugal (2%/15,1%) e à Eucaristia Dominical (4,5%/17,7%)  – na RTP1 – e à Eucaristia Dominical (5,1%/17,3%) da TVI, que lideraram.
  • SIC passou a assumir a liderança com Vida Selvagem (9%/24,2%), segurando o primeiro posto até à noite.
  • Depois de ter registado recordes de audiências no passado fim de semana, a emissão especial de Carnaval do Domingão (8,4%/18,4%) foi líder, com uma média de 797 mil telespetadores. Na TVI, o Somos Portugal (7,5%/16,4%) também dedicado ao Entrudo marcou o valor de audiência média mais baixo do ano.

Dados de audiência da GfK/CAEM para 14 de fevereiro. Valores Live+VOSDAL.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.