DocLisboa TVCine
Imagem: El trabajo o a quién le pertenece el mundo(2019)

‘DocLisboa’. TVCine apresenta seleção de documentários

Em parceria com o festival DocLisboa, os canais TVCine continuarão a levar o melhor do festival até às nossas casas. Deste modo, o TVCine Edition vai apresentar uma seleção de três filmes de edições passadas do festival.

O DocLisboa continua, este ano, a sua 18.ª edição num formato diferente do habitual, em fases e virado para o online. “O Doclisboa é o festival de documentários mais antigo do país, contribuindo para a definição de um território forte e estável para o género em Portugal”, diz o TVCine, cuja parceria com o festival originou a criação do Especial Documentários: Seleção DocLisboa com uma seleção de três documentários.

A transmissão deverá decorrer sempre à sexta-feira e começa no dia 12 de fevereiro com o documentário Cidade Marconi, de Ricardo Moreira, pelas 22h. Segue-se o trabalho da espanhola Elisa Cepedal, El Trabajo O A Quien Le Pertenece El Mundo, na sexta-feira seguinte (19), também às 22h. O especial deverá terminar com o documentário É Rocha E Rio, Negro Leo, de Paula Gaitán, ainda sem data concreta prevista.

Cidade Marconi (Dia 12, 22h)

O documentário de Ricardo Moreira parte da afirmação “A perceção da relação entre uma música e uma fotografia é desconstruída pelo estudo de uma paisagem”. Assim, durante 72 minutos, vais poder ver “a paisagem de uma colina marcada pelo impasse dos diversos projetos imobiliários que pretendem a sua transformação”.

El Trabajo O A Quien Le Pertenece El Mundo (Dia 19, 22h)

O filme de Elisa Capedal segue a vida de uma comunidade mineira pelo prisma da etnoficção, enquanto esta negoceia o declínio da mesma indústria que permitiu o seu surgimento. Trata-se de um longo período de desindustrialização que afeta a região, criando uma paisagem decadente de bocas de minas e aterros de entulho e levando a confrontos entre os grevistas e a polícia, onde os primeiros, após um fracasso recente, têm de escolher entre a ação ou a apatia.

É Rocha E Rio, Negro Leo (Data e horário a confirmar)

No trabalho de Paula Gaitán, apresentado no DocLisboa a 24 de outubro de 2020, vais poder passar uma tarde com o músico, compositor, poeta, sociólogo e pensador Negro Leo. Durante essas duas horas e 37 minutos, vais poder ouvir as suas ideias sobre o desenvolvimento da música, a política brasileira e internacional, a ascensão das religiões neopentecostais e a sua obsessão pelas redes sociais, fazendo um paralelo com a sua própria vida.

 

 

Mais Artigos
Spotify
Spotify explora o poder do áudio e expande-se para novos países