Dois às 10
Fotografia: Instagram

‘Dois às 10’ bate mínimo de audiência pelo segundo dia consecutivo

Dois às 10 começou a semana a perder para Casa Feliz, no dia do regresso de Diana Chaves e João Baião, e esta terça-feira (26) voltou a ficar atrás do programa da SIC.

Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz conseguiram alguns momentos de liderança, mas não escaparam a um novo recorde negativo. Dois às 10 teve uma audiência média de 4,3% e registou um novo mínimo de 16% de share, depois de na véspera já ter batido um recorde negativo de 17%.

Casa Feliz (4,8% / 17,9%) venceu a manhã mas não escapou à tendência de quebra do share, causada pelo encerramento das escolas e consequente aumento do consumo televisivo. Sem conseguir dar luta à concorrência, Praça da Alegria (3,0% / 11,5%) voltou a ficar em terceiro lugar.

Nas contas totais do dia, a SIC cai para 18,8% de share mas mantém a liderança, contra 16,2% da TVI e 11,2% da RTP1. A CMTV voltou a ser o canal mais visto do cabo, com 4,8% de share, num dia em que também a SIC Notícias (3,0%) esteve em destaque.

Goucha e Júlia dividem a tarde

À tarde, a SIC também saiu vencedora no embate entre talk shows, mas a liderança foi mais repartida. Manuel Luís Goucha arrancou no primeiro lugar e conseguiu manter-se na frente durante toda a primeira parte, mas sempre com a SIC por perto.

Na segunda parte de ambos os programas, Júlia Pinheiro saltou para a liderança e conseguiu destacar-se da TVI. Em termos médios, Júlia (5,6% / 14,9%) somou mais uma vitória contra Goucha (5,1% / 13,7%).

Muito longe destes valores, a RTP1 afundou durante este período. A Nossa Tarde (2,7% / 7,6%) caiu para um novo mínimo de share. A anteceder o talk show de Tânia Ribas de Oliveira, Príncipes do Nada (2,9% / 7,6%) e Filha da Lei (1,9% / 5,6%) deixaram o canal 1 atrás da CMTV.

Foto: TVI/Divulgação

Episódio especial dá máximo a Amar Demais

Numa noite repleta de episódios “especiais” na SIC e na TVI, as novelas da estação de Paço de Arcos voltaram a ser as mais vistas. Amor, Amor (13,2% / 23,3%) foi o segundo programa mais visto do dia, liderando contra Bem me Quer (12,2% / 21,4%).

Em destaque na TVI esteve Amar Demais (9,6% / 20,9%), que conseguiu a melhor audiência do ano e foi vista por 906 mil espectadores. Embora tenha ficado longe de Terra Brava (12,1% / 25,6%), a novela da TVI liderou no confronto com Golpe de Sorte (7,4% / 20,3%), também em episódio especial.

Ao final da noite, o Extra do Big Brother – Duplo Impacto (4,3% / 19,2%) teve a sua edição mais vista. O programa, agora apresentado por Alice Alves, deixou para trás Totalmente Demais (4,5% / 18,4%) e Passadeira Vermelha (1,5% / 11,9%).

Outros destaques do dia
  • Agora com novidades e nova temporada, o Joker registou a sua melhor audiência do ano. O concurso de Vasco Palmeirim, que foi exibido a seguir ao Telejornal e viu a sua duração ser aumentada, foi visto por 705 mil espectadores (7,4% / 12,5%).
  • Êta Mundo Bom! (11,0% / 19,8%) voltou a aproveitar o elevado consumo e teve um dos seus melhores resultados. No entanto, ao contrário da véspera, a novela não ficou à frente de O Preço Certo (12,1% / 22,0%), que teve o melhor resultado do ano para uma reposição.
  • O Edição da Manhã registou máximos de 2021 na SIC Notícias, com 0,5% de audiência e 6,5% de share. O noticiário registou também 0,5% / 10,4% na SIC, onde é transmitido em simultâneo até às 8h30.
  • Depois de vários meses quase sem espectadores, o #EstudoEmCasa registou ligeiras subidas com a interrupção das atividades letivas. As aulas de Português – 1.º Ano (0,2% / 1,4%) e Educação Artística – 1.º Ciclo (0,2% / 1,1%) registaram máximos anuais ao início da manhã, com cerca de 17 mil alunos sintonizados na RTP Memória.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Lúcia Moniz no FC 1997
Festival da Canção. Lúcia Moniz celebra 25 anos de ‘O Meu Coração Não Tem Cor’ na segunda semifinal