Jogos Olímpicos
A atleta de triplo-salto Patrícia Mamona | Fotografia: Facebook

RTP anuncia planos de transmissão dos Jogos Olímpicos de Tóquio

RTP é a televisão oficial portuguesa dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 para as transmissões em sinal aberto. A seis meses do arranque das provas, adiadas para julho deste ano devido à pandemia de Covid-19, a estação anuncia os planos de transmissão da competição mundial.

A emissora pública tem prevista a exibição de 200 horas de conteúdos do evento, assegurando, em canal aberto e em direto, a cobertura da participação dos atletas portugueses. A transmissão divide-se entre a RTP1 e a RTP2 entre 23 de julho e 8 de agosto, em diferentes horários, com a RTP Play a complementar a mostra das provas em plataforma digital.

O primeiro canal assegura a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos, que vai para o ar entre as 12h e as 15h. Mais tarde, inicia-se a exibição das primeiras provas da edição, entre as 23h e as 6h da manhã do dia seguinte. A partir daí, a estratégia é semelhante – a RTP1 transmite, até ao final, as provas neste horário. Já a dois arranca emissão logo depois do fecho na 1 e está em direto entre as 6h da manhã e o meio-dia, todos os dias.

A 8 de agosto, último dia de Tóquio 2020, a RTP2 assegura emissão até às 12h, altura em que na RTP1 inicia a cerimónia de encerramento, que vai até às 15h.

Jogos Olímpicos
Fotografia: Facebook/Tokyo 2020

A RTP adquiriu os direitos de transmissão da prova ainda em 2018, através de uma operação de sublicenciamento ao grupo Discovery, a quem o Comité Olímpico Internacional decidiu vender os direitos para o espaço europeu. O grupo é proprietário do Eurosport, com quem a estação pública negociou a transmissão. O canal desportivo pan-europeu vai também fazer a cobertura integral das provas, com acompanhamento na televisão, streaming, online e nas redes sociais.

Realização do evento ainda é incerta

O Comité Olímpico Internacional continua ainda incerto acerca da realização do evento, que envolve atletas de todo o mundo, devido à fraca evolução positiva no cenário pandémico nos últimos meses. Alguns dos membros da organização dizem que não há garantias de que venham a decorrer, enquanto outros afirmam que as provas vão ter lugar nas datas propostas mesmo sem vacinação em massa.

Os Jogos Olímpicos Tóquio 2020 foram adiados para 2021, devido à pandemia de Covid-19. Para as provas há 34 atletas portugueses confirmados em dez modalidades diferentes. Entre os apurados estão nomes como Patrícia Mamona (triplo-salto), Fernando Pimenta (canoagem), Pedro Pichardo (triplo-salto) ou Filipa Martins (ginástica artística).

Lê também: RTP2 acompanha Portugal no Mundial de Andebol

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Estes são os melhores especiais de comédia para ver em streaming