Festival da Canção 2020 Elisa e Marta Carvalho
Fotografia: Pedro Pina / RTP

Festival da Canção 2021. Final acontece em estúdio sem público

A final do festival não vai acontecer, este ano, fora de Lisboa, como tem sido habitual

RTP anunciou, esta quarta-feira (20), os intérpretes e as 20 canções a concurso na edição deste ano do Festival da Canção. Na conferência de imprensa, decorrida online, ficou também a saber-se que a final do certame vai acontecer em estúdio, contrariamente ao que tem ocorrido nos últimos anos.

O modelo do Festival mantém-se semelhante ao dos outros anos, existindo duas semifinais e uma final. As semifinais decorrerão a 20 e 27 de fevereiro e a grande final será a 6 de março, ambos a acontecer no estúdios da RTP.

José Fragoso, diretor de programas da RTP esclareceu que “não vai ter público”, um “sinal do tempo” que vivemos.

Desde 2018 que a estação pública vinha a assumir o compromisso de descentralizar o festival, levando-o até outras cidades. Em 2018, a derradeira emissão aconteceu em Guimarães e, em 2019, o festival rumou até Portimão. No ano passado, o Coliseu Comendador Rondão Almeida, em Elvas, acolheu a consagração da compositora Marta Carvalho e da intérprete Elisa.

A condução dos três programas deste ano ficará a cargo de rostos já conhecidos dos espetadores habituais. A primeira semifinal será apresentada por Sónia AraújoJorge Gabriel e a segunda por Tânia Ribas de Oliveira José Carlos Malato. Pelo terceiro ano consecutivo, a final será conduzida pela dupla Filomena Cautela Vasco PalmeirimInês Lopes Gonçalves será responsável pela Green Room nas três emissões, que contarão ainda com um espaço complementar nas redes sociais apresentado por Joana Martins.

Em cada semifinal haverá 10 canções a concurso, sendo apuradas cinco para a final. A derradeira emissão contará, assim, com 10 temas. A votação segue o modelo dos anos anteriores, cabendo metade da pontuação a um júri profissional e a outra metade ao voto popular. O vencedor do certame terá a responsabilidade de representar Portugal no Festival Eurovisão da Canção, que este ano acontece em Roterdão, nos Países Baixos.

Festival acontece mesmo em pandemia

Depois do cancelamento inédito da edição de 2020 do Festival Eurovisão da Canção, a União Europeia de Radiodifusão (EBU) tem já vários cenários preparados para que a competição possa acontecer este ano, de acordo com o evoluir da situação sanitária a nível global. Todas as emissoras a concurso vão gravar uma versão da sua atuação para poder ser exibida nas galas, caso não seja possível o representante se deslocar até Roterdão. Assim, a RTP decidiu avançar com a realização da apuração nacional, que este ano conta com o mote #OFestivalÉNosso.

Esta é uma aventura que une não apenas os músicos concorrentes e os profissionais da RTP, mas todos aqueles que seguem as carreiras dos autores e intérpretes que este ano vão passar pelo Festival, os que, ano após ano seguem atentamente a história em permanente construção deste programa e os muitos mais que, invariavelmente, fazem deste um dos momentos mais importantes da oferta televisiva da RTP. E desta soma de tantos esforços e entusiasmos, nasceu o mote para a edição deste ano: #OFestivaléNosso“, aponta a estação.

Mais Artigos
Rock in Rio Lisboa
Governo estuda a possibilidade do regresso dos festivais de verão