Debate Marcelo vs. Tino

Debate Tino vs. Marcelo mais visto do que o ‘5 para a meia-noite’

Na noite desta quinta (7), o debate que tomou a dianteira nos assuntos mais discutidos foi aquele que, na SIC, juntou Marisa Matias a André Ventura. No entanto, uma hora depois de os dois candidatos serem interrompidos de forma final por Clara de Sousa, deu-se outra conversa, bem mais cordata, entre Tino de Rans e Marcelo Rebelo de Sousa.

A troca de ideias, com moderação de Carlos Daniel, teve um tom diferente de muitos outros debates, numa amena cavaqueira entre estes dois políticos “populares”, como define o próprio Vitorino Silva. E, a essa hora, pouco depois das 22h45, foram mais de 250 mil os espectadores a sintonizar a emissão da RTP3.

O debate das Presidenciais 2021 cativou 2,7% de audiência média e 6,2% de share. A essa hora, a antena informativa da estação pública ascendeu ao posto de terceiro canal mais visto em Portugal, superando a emissão do late show 5 para a meia-noite, da RTP1, que se ficou por 1,6% de audiência e 4,7% de share.

Tino e Marcelo cativaram mais atenção no Norte (8,8% de share), entre os maiores de 75 anos (10,5% de share) e nas classes AB, as mais altas e com maior qualificação, entre as quais o debate obteve um share de 13,1%.

A liderança no período era da telenovela Terra Brava, que marcou mesmo o share mais elevado do dia: 28,3%, com uma audiência de 11,4%. Amar Demais, na TVI, ficava com 7,3% de audiência e 18,7% de share.

Debate lidera o dia pela segunda vez

O segundo debate emitido pela SIC em sinal aberto, entre Marisa Matias e André Ventura, foi o programa mais visto do dia. Marcou 16,6% de audiência média e 28,2% de share, mantendo assim o primeiro lugar ocupado por um dos debates das Eleições Presidenciais, depois do recorde do dia anterior.

A estação de Paço de Arcos conseguiu ainda melhorar o score diário, ocupando os quatro primeiro lugares do top do dia, que ficou completo com Amor Amor (14,5% / 26,8%), Nazaré (13,7% / 27,6%) e Jornal da Noite (13,4% / 23,7%).

A SIC liderou com 21% de share, contra 17,9% da TVI e 12,9% da RTP1. A CMTV ficou em quarto no dia com 4,1% de share.

Outros destaques

  • Dois às 10 (3,1% / 20,7%) e Dois às 10 – Atualidade (5,3% / 22%) desceram para os piores resultados desde a estreia, com Casa Feliz (3,4% / 19,1%) a agarrar a liderança nos 40 minutos finais de emissão. Praça da Alegria (2,8% / 15,8%) ajudou à queda da TVI.
  • Goucha (5% / 19,2%) retomou a liderança à tarde, frente a Júlia (4,3% / 16,3%).
  • O Portugal em Direto (5,9% / 15,9%) voltou a crescer e atrapalhou os números de Viver a Vida (7,5% / 18%) que, ainda assim, se distanciou de Big Brother: Última Hora (6,4% / 16%).
  • Às 19h, o Diário (7,3% / 14,6%) desceu ao pior valor desde a estreia, com Êta Mundo Bom! (10% / 19,8%) a subir ao melhor valor de 2021. O Preço Certo (11,5% / 22,9%) segurou a liderança.
  • Golpe de Sorte (5,2% / 22,8%) subiu ao fim da noite, reforçando também Totalmente Demais (3% / 21,1%), emitida em seguida. Big Brother – Extra (3% / 19%) saiu penalizado.
  • O debate entre Ana Gomes e Tiago Mayan Gonçalves transmitido pela TVI24 marcou 1,5% de audiência média e 2,8% de share.
Dados de audiência Live+VOSDAL da GfK/CAEM.

 

Mais Artigos
Guia TV
Guia TV: Sabe o que ver no primeiro fim-de-semana de confinamento