Big Brother - Finalistas
Jéssica, Zena e Pedro. Fotografia: Divulgação

Big Brother. “Se ao início duvidámos do casting, agora sabemos que foi ineficaz”

Os comentadores avaliam a última expulsão do jogo e fazem uma retrospetiva da participação dos finalistas Jéssica, Zena e Pedro

A apenas dois dias da grande final, a TVI prepara-se para revelar quem irá suceder a Soraia e conquistar o título de vencedor do formato-rei dos reality shows um pouco por todo o mundo. No último episódio antes da decisão, o podcast De Olho no Big Brother recorda o percurso dos finalistas e antecipa a vitória de Zena, com análise de Paulo Barros e Pedro Miguel Coelho e moderação de Filipe Santiago Lopes.

“Gostava que fosse a Zena e acho que será a Zena a ganhar”. É assim que ambos os comentadores respondem à questão maior, após uma análise às participações dos três candidatos ao prémio final. A expulsão inesperada de Renato serviu de mote para a discussão, já que “ele teve votações muito expressivas, tanto para salvar como para não ser expulso”, afirma Paulo Barros. Por outro lado, Pedro Miguel Coelho aborda o segmento da Curva da Vida, que considera “ser útil para trazer narrativa à gala”. Ainda assim, o fundador do Espalha-Factos garante que, “se ao início duvidámos do casting, agora sabemos que foi ineficaz”.

Ouve aqui o episódio desta semana:

O que se seguiu foi uma retrospetiva dos três concorrentes que conseguiram chegar até ao fim do programa. Fadista de profissão, Jéssica F. “foi a concorrente que teve uma trajetória mais ascendente desde o início”, garante Paulo Barros, que recorda a presença frágil e o “problema de autodeterminação em relação ao pai”, que marcaram a sua entrada. Contudo, explica que a sua postura foi-se tornando mais forte e dá o exemplo da “discussão direta com Rui Pedro e indireta com toda a casa, que estava contra Andreia”. Já a relação amorosa com Renato surgiu, para o editor do Espalha-Factos, “muito por pressões da Teresa Guilherme, dos colegas e da produção”.

Relativamente ao único homem na final, Pedro Miguel Coelho assegura que o concorrente “é uma pessoa que tem a idade que tem (42 anos), mas não tem capacidades mínimas de convivência ou responsabilidade”. O comentador destaca, pela negativa, o “comportamento que ele tem com as mulheres, esta coisa de se ‘fazer’ a tudo o que mexe”, e que “ultrapassa várias vezes os limites”. “Se eu tivesse de lidar com uma pessoa daquelas numa casa 24h por dia, o grande esforço que eu faria era para não me encontrar nem falar com aquela pessoa”, conclui.

Para o fim ficou Zena, a candidata que em que ambos os comentadores apostam para vencer a Revolução. Paulo Barros afirma que a madeirense “foi mantendo sempre a mesma personalidade, que as pessoas criticavam como sendo fria, o que é um pouco injusto, porque ninguém tem de ser muito extrovertido”. A relação com André foi, na perspectiva do comentador, “extremamente difícil, porque ela estava bem com ele durante toda a semana e chegava ao domingo e levava sempre com algo que o André tinha falado mal sobre si”. No entanto, não deixa de censurar a postura “deselegante com os colegas, que tiveram de chegar ao ponto de lhes pedir ‘parem porque não conseguimos dormir'” com o barulho que o casal fazia todas as noites.

Como é habitual, a gala do Big Brother – A Revolução conseguiu segurar a liderança das audiências e, por uma última vez, o painel deixou os seus palpites para a emissão seguinte. “Em termos matemáticos, se a Jéssica teve mais votos que o Pedro nesta votação, acredito que ele fique em terceiro”, explica Paulo Barros, que contudo acredita que a candidata “terá muitos mais votos dos fãs do Renato do que a Zena dos do André, que saiu com uma pontuação muito pequena”.

Pedro Miguel Coelho não descarta uma vitória de Pedro, que “está a ser nomeado há muitas semanas e tem-se aguentado sempre, é uma prova de resistência que ele tem cumprido”. Mas o comentador recorda a “velha tradição em programas portugueses que, quando tens numa final um concorrente madeirense, o concorrente tem um voto massivo por parte da ilha e isso pode acontecer aqui”. No final, a opinião é unânime: Zena será a vencedora deste Big Brother.

O novo episódio do De Olho no Big Brother já está disponível nas plataformas SpotifyApple PodcastsAnchorBreakerGoogle Podcasts e RadioPublic.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.