The Mandalorian
Fotografia: Entertainment Weekly / Disney

Disney+ vai ter mais conteúdo em 2021 — e vai ficar mais cara

Disney+ vai ter novas séries no catálogo já a partir de fevereiro. Mas o peso passa também para a carteira: com o anúncio da Star, uma nova secção com conteúdo mais adulto das produtoras da empresa, o serviço vai passar a custar mais dois euros na Europa.

O anúncio foi feito no Investors Day da Disney, que aconteceu esta quinta-feira (10) e revelou dezenas de novidades de todas as marcas da gigante do entretenimento, entre as quais a Marvel, os filmes de animação da Disney e da Pixar ou o mundo em expansão de Star Wars.

A expansão da plataforma de streaming da empresa traz também uma novidade de peso. Para colmatar a ausência da Hulu fora de território norte-americano, foi anunciada a Star — uma nova plataforma que inclui conteúdo mais adulto.

Esta é a maior expansão do catálogo, que vai passar a incluir produções da Disney Television StudiosHuluFX, conteúdo da 20th Century FOX, entre outros. As séries e filmes chegam a território internacional através da Star, que agrega as produções dessas e doutras divisões da empresa. Produções como The Handmaid’s Tale, AtlantaAmerican Horror StoryThe Americans, Pose ou It’s Always Sunny In Philadelphia, entre muitos outros, vão estar disponíveis na plataforma.

Disney+
‘The Handmaid’s Tale’ | Fotografia: Divulgação

O lançamento está marcado para 23 de fevereiro de 2021 nos mercados selecionados — incluindo Portugal, avançou a MAGG —, mais tarde à Ásia e a outros territórios ainda não abrangidos. Na América Latina, surge como uma plataforma à parte, a Star+.

Em territórios como o Canadá, Austrália, Nova Zelândia ou a maioria do continente europeu, a marca vai estar integrada na plataforma do Disney+ como a sexta aba de conteúdos.

A plataforma vai ficar mais cara, mas não é já

Esta adição traz uma alteração de preço ao Disney+. Onde a Star fica inserida na interface, a assinatura sobe dois euros – passa a custar 8,99 euros na Europa, mas os antigos subscritores vão pagar o preço antigo (6,99€) durante seis meses.

A plataforma da Disney tem registado um sucesso quase estrondoso e sem precedentes – num ano, juntando todos os mercados onde opera, juntou mais de 137 milhões de subscritores. O serviço ainda está indisponível em zonas como o leste europeu ou países asiáticos, territórios onde deve chegar em 2021.

A Disney revelou e confirmou dezenas de novos filmes para as salas e programas de TV para o Disney+ durante o dia do investidor, esta quinta-feira (10). A chegar estão dez séries da Marvel, dez séries de Star Wars e mais 15 séries e 15 filmes em live-action e animação, incluindo títulos da Pixar. Houve ainda espaço para anúncios das outras marcas da empresa, que incluem uma nova série de Alien, American Horror Stories ou mais uma temporada de The Handmaid’s Tale.

Séries, filmes e (muito) streaming. Conhece as novidades da Disney

Atualizado a 12/12 com novas informações sobre a chegada do serviço Star a Portugal

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Governo aprova 42 milhões de euros a fundo perdido para o setor da Cultura