Mindhunter
Fotografia: Netflix/Divulgação

‘Mindhunter’. David Fincher dá esperanças para o futuro da série

David Fincher, o produtor de Mindhunter afirmou que adoraria revisitar a série no futuro, revelando ainda os planos para o enredo, caso novas temporadas se concretizem. Em janeiro deste ano, os fãs do thriller policial ficaram devastados quando receberam a informação de que Mindhunter seria posta em pausa, por tempo indefinido.

Um representante da Netflix afirmou que “O David [Fincher] está focado em realizar o seu primeiro filme da Netflix, Mank, e em produzir a segunda temporada de Love, Death and Robots. A isto, adicionou ainda o facto de não ser justo impedir os atores de procurarem novos trabalhos, enquanto Fincher o fazia por si próprio.

Assim, a Netflix libertou os atores dos contratos que os vinculavam à série, permitindo com que ingressassem em novos papéis. Jonathan Groff, que interpreta um dos protagonistas, o Agente Holden Ford, vai juntar-se ao elenco de The Matrix 4, a estrear em 2021. Quanto a Holt McCallany, o ator fará parte do remake de Nightmare Alley, de Guillermo del Toro, ao lado de atores como Bradley Cooper e Cate Blanchett.

 Numa entrevista à Variety, onde promovia Mank, Fincher assinalou que não fazia muito sentido prosseguir para uma terceira temporada de Mindhunter, visto que os números, em termos de audiências, não justificavam o elevado orçamento da série.

A isto, acrescentou que a produção da segunda temporada foi esgotante. É importante referir que, apesar de Mindhunter ter sido criada pelo guionista Joe Penhall, foi David Fincher a assumir o controlo de tudo o que se passava nas gravações. Peter Mayromates, co-produtor, declara que “Mesmo quando ele [David Fincher] não estava a realizar um episódio, estava sempre a supervisioná-lo”.

À parte disto, o realizador revelou também os planos para um possível enredo da série. Ao longo das duas temporadas, passadas essencialmente nos anos 70 e 80, apareciam pequenos clipes, paralelos à história principal, mostrando um homem, que progressivamente começou a cometer crimes. Esse homem era Dennis Rader, ou como ficou conhecido, BTK Killer, interpretado por Sonny Valicenti. David Fincher confidenciou que o plano de ação era trazer a história até aos anos 2000, e retratar a captura deste assassino, que conseguiu escapar à polícia e manter-se oculto durante décadas.

Assim, não há uma resposta clara para quem se questiona acerca do rumo de Mindhunter. No entanto, a decisão será da responsabilidade de David Fincher, pois segundo a Deadline, o elenco, bem como a Netflix, estariam a bordo para a continuação da série e do trabalho com o produtor.

Esta série que retrata a Unidade de Análise Comportamental do FBI e os seus primeiros passos no estudo dos assassinos em série estreou em 2017 e, inicialmente, tinha sido composta para ter cinco temporadas.