Presidenciais
Fotografia: Divulgação

SIC Notícias bate máximos e lidera ao início da manhã

A SIC Notícias esteve a bater máximos ao início da manhã deste sábado (7) e foi líder entre os canais portugueses às primeiras horas da manhã.

Entre as 5h e as 7h, o canal da Impresa ficou em primeiro entre todos os canais portugueses, tendo continuado ao longo da manhã com resultados recordistas. A repetição de Governo Sombra (0,3% / 7,7%) marcou o melhor share do ano e liderou por minutos, ainda antes das cinco da manhã, mas depois disso as emissões de Primeira Página (0,5% / 13,3%), SIC Polígrafo (0,5% / 14,3%) e, mais uma vez, Primeira Página (0,5% / 13,5%), seguraram o primeiro lugar de forma consistente.

O jornal de síntese das 7h, apresentado por Cláudio França, marcou o melhor resultado do ano, com 0,7% de audiência média e 12,1% de share, mas deixou escapar a liderança para a CMTV, que emitia a primeira hora de Notícias CM (0,8% / 8%). A essa hora, o canal aberto mais visto era a TVI, com Campeões e Detetives (0,4% / 8,4%).

A SIC Notícias manteve-se acima da média do ano com Golf Report (0,5% / 6,6%), Jornal das 8h (0,7% / 6,7%), Exame Informática TV (0,7% / 5,8%), Jornal das 9 (0,8% / 5,3%) e Jornal das 10 (1,2% / 6,2%). O canal terminou o dia com 3,4% de share, e para encontrar uma semana em que tenha tido melhores resultados do que esta é preciso recuar até abril, no período quente da pandemia de Covid-19.

Nos destaques da antena informativa esteve ainda o Jornal das 16h, com 1,6% de audiência média e 3,7% de share. Foi durante esta edição que foi anunciada a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais norte-americanas.

Foi também um dia bom para os concorrentes da SIC Notícias, com a RTP3 a marcar 2,3% de quota de mercado, o seu melhor resultado diário desde o início de abril, e a TVI24 a estabilizar nos 2,1%.

Outros destaques

  • 24 Horas (1,3% / 4,5%) bateu o melhor resultado do ano, sendo seguido por um especial Eleições EUA (0,9% / 5,4%). A essa hora a SIC Notícias voltava a liderar entre os informativos, com uma edição prolongada do Jornal de Sábado (1,1% / 3,5%), que a essa hora marcava valores acima dos 6% de share.
  • A manhã foi forte também para a TVI24, com Diário da Manhã (0,4% / 3,1%) a bater um novo máximo e Notícias 24 – 10 (0,9% / 5,1%) acima dos 5% de share.
  • A CNN teve uma semana histórica em Portugal. Na quinta-feira bateu um máximo de audiência média, com uma média de sete mil espectadores e 0,3% de share diário, e na sexta-feira registou valores equivalentes ao do dia das eleições, com 4.300 espectadores e 0,2% de share.
  • O crescimento dos informativos fez cair os generalistas. A SIC liderou com 15,9% de share, a TVI foi segunda com 13,7%. A RTP1, com 12,1%, foi o único canal aberto a manter-se estável. Mais informações sobre audiências dos canais generalistas.