Listen
Fotografia: NOS Audiovisuais

‘Listen’ é já o segundo filme português mais visto do ano

Produção de Ana Rocha de Sousa está perto de se tornar o filme português mais visto do ano

Listen, o premiado filme de Ana Rocha de Sousa no Festival de Veneza, tornou-se o filme português mais visto do ano num período de duas semanas e o segundo mais visto em termos gerais, indicam os dados do Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA) relativos à semana de 29 de outubro a 4 de novembro.

Nesta que foi a sua segunda semana em exibição, a película levou às salas 8 252 espectadores, conquistando uma receita bruta superior a 46 mil euros. Estreado a 22 de outubro, o filme conseguiu, nas duas semanas em sala, um total de 22 330 espectadores e uma receita bruta que ascende a 125 mil euros.

O número de espectadores conseguidos em 14 dias faz com que se torne o filme português mais visto este ano nas primeiras duas semanas de exibição, destronando O Filme do Bruno Aleixo. Com estreia a 23 de janeiro, a incursão da personagem cómica no cinema valeu, nos primeiros 14 dias, 18 884 espetadores e uma receita bruta superior a 103 mil euros.

Em termos acumulados desde a estreia, a película de humor permanece, contudo, no primeiro lugar, com 24 010 espetadores, sendo Listen o segundo colocado da tabela dos filmes nacionais mais vistos do ano.

O drama protagonizado por Lúcia Moniz, inspirado em factos reais, conta a história de uma família portuguesa emigrada no Reino Unido, a quem os serviços sociais retira os três filhos menores por suspeita de maus tratos. Listen arrecadou seis distinções na edição deste ano do Festival de Veneza.

Listen
Fotografia: NOS Audiovisuais

No ranking semanal, o filme recua em relação à posição cimeira da semana de estreia para o segundo lugar. O restante pódio é ocupado por filmes estreados nessa mesma semana. Um Último Golpe, o filme de ação realizado por Mark Williams e protagonizado por Liam Neeson, somou 9 616 espetadores e uma receita bruta que ascende aos 55 mil euros na semana de estreia, liderando a lista da semana.

As Bruxas de Roald Dahl, realizado por Robert Zemeckis e com Anne Hathaway no papel da vilã, fecha o top 3 da semana. O filme conquistou 4 256 espetadores e encaixou uma receita bruta que ascende aos 23 mil euros.

As produções nacionais entre os mais vistos do ano

No topo do ranking geral do ano, permanece, em termos acumulados, o vencedor de várias estatuetas douradas, 1917. O filme realizado por Sam Mendes conquistou 330 011 espetadores, arrecadando uma receita bruta superior a 1 milhão e 860 mil euros.

A fechar o top 3, Bad Boys Para SempreBirds of Prey (e a Fantabulástica Emancipação de Uma Harley Quinn). O filme de comédia protagonizado por Will Smith e Martin Lawrence levou às salas 259 578 espetadores, conseguindo perto de 1 milhão e 500 mil euros de receita bruta. Já a película que tem por cenário Gotham city conquistou 165 633 espetadores, encaixando mais de 933 mil euros de receita.

Bruno Aleixo
Fotografia: O Filme do Bruno Aleixo

Na tabela, que conta com um total de 40 posições, constam duas produções nacionais. O Filme do Bruno Aleixo fica em 34.º lugar e Listen ocupa a 36.ª posição.

Número de espectadores em quebra

Depois de ter registado uma evolução favorável na semana anterior, o número de espetadores nas salas de cinema voltou a sofrer uma retração, segundo as contas do ICA. Entre 29 de outubro e 4 de novembro, o número total foi de 44 600, uma quebra de 19,5% face aos 55 437 da semana anterior. Também as receitas sofreram um impacto, com uma redução de 19,8%, para 243.527,97 euros.

Depois de um mês de outubro em que a tendência geral foi de decréscimo, a entrada em novembro não traz, para já, um cenário animador. Face à primeira semana de outubro, os números agora verificados representam um quebra de 55,5% do número de espetadores – que tinham sido 80 290 – e de 55,7% em relação às receitas arrecadadas – 437.030,22 euros no início de outubro.

Esta foi, aliás, a pior marca de entrada num mês, desde agosto. Aí tinham-se verificado 26 783 espetadores e uma receita de 145.186,96 euros, números que vinham em crescimento desde a reabertura das salas, no final de maio.

Lê também: Covid-19. Metade das salas de cinema podem fechar sem apoios

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Bruno Nogueira
Bruno Nogueira. Revelados os primeiros detalhes sobre o novo programa na SIC