Trump Biden
Fotografias: D.R.

Trump perde para Biden na “guerra das audiências”

A emissão de programas de perguntas e respostas a Donald Trump e Joe Biden aqueceu a guerra de audiências nos Estados Unidos, com vantagem para o democrata e oponente do atual Presidente. Em Town Halls emitidos pela ABC e pela NBC, em simultâneo, os dois candidatos foram confrontados com perguntas do público e de uma apresentadora do canal.

De acordo com os dados de audiência divulgados pela Nielsen, mesmo estando o programa que contava com Trump como convidado a ser transmitido em três canais em simultâneo, isso não chegou para reunir mais espectadores do que o formato que contou com a presença de Biden.

Joe Biden cativou, na ABC, um total de 14,1 milhões de espectadores, Donald Trump, transmitido pela NBC, CNBC e MSNBC, apenas chegou a 13,1 milhões. Em sinal aberto, este valor caiu para meros 10,6 para o presidente atualmente em exercício.

O candidato democrata e antigo vice-presidente foi ainda líder nos mais importantes targets comerciais, com 17% de share entre as mulheres e homens com 18 a 49 anos, enquanto o atual chefe de Estado se ficava pelos 11% entre as mulheres e os 13% entre os homens neste que é o segmento populacional mais importante para os anunciantes.

A campanha republicana tenta desvalorizar os números e indica que, quando somada a audiência noutros suportes, como computadores ou tablets, Trump é vencedor. Já TJ Ducklo, secretário de imprensa da campanha de Biden, considerou que “na última noite mais pessoas estiveram interessadas em ver um líder com um plano claro para controlar a pandemia e pôr os norte-americanos de novo a trabalhar, do que ver o mesmo mentiroso caótico e combativo cuja incompetência nos colocou nesta confusão – independente do número de canais em que esteve no ar“.

Lê também: Sarah Michelle Gellar apresenta ‘Buffy’ aos filhos

 

Mais Artigos
Guia TV Bombshell Homem Aranha e Harry Potter
Guia TV: Cinema em destaque na SIC e TVCine em sinal aberto