The Lion King / O Rei Leão
Fotografia: Divulgação

Barry Jenkins vai realizar sequela de ‘O Rei Leão’

O realizador e argumentista de Moonlight foi escolhido pela Walt Disney Studios para realizar a sequência do blockbuster de 2019O Rei Leão. Ainda não há uma data de lançamento prevista para o segundo filme, mas deverá ser uma prioridade para os estúdios, devido ao sucesso financeiro do primeiro, segundo a Deadline.

De acordo com o exclusivo da Deadline, o novo filme passa a contar com Barry Jenkins como realizador, mas a técnica foto-realista utilizada por Jon Favreau vai manter-se. Além disso, o argumentista do blockbuster de 2019, Jeff Nathanson, regressará para a nova produção e já elaborou um rascunho original do guião.

Ainda não foram divulgados muitos pormenores acerca da base da trama. No entanto, a continuação de O Rei Leão deverá explorar ainda mais a história dos personagens, incluindo a história de origem de Mufasa. Tratar-se-á, deste modo, de um avançar na história enquanto se recorda o passado, sem esquecer a música, parte essencial do filme original e do remake de 2019.

Barry Jenkins demonstrou-se familiarizado com os personagens aos quais vai dar vida. “Ao ajudar a minha irmã a criar dois meninos durante os anos 1990, cresci com estes personagens”, afirmou. O realizador mostrou-se ainda grato pela oportunidade: “Ter a oportunidade de trabalhar com a Disney na expansão deste magnífico conto de amizade, amor e legado, enquanto continuo o meu trabalho a narrar a vida e a alma das pessoas da diáspora africana é um sonho que se tornou realidade”.

A restante equipa de produção ainda não foi revelada. Contudo, espera-se que os parceiros da produtora PASTEL de Jenkins,  Adele Romanski e Mark Ceryak façam parte do projeto como produtores. Quanto aos atores, a versão de 2019 contou com as vozes de Chiwetel Ejiofor, Donald Glover, Alfre Woodard, Beyoncé Knowles-Carter, James Earl Jones, John Oliver, Keegan-Michael Key, Eric Andre, Seth Rogen, Billy Eichner, Amy Sedaris e Chance the Rapper, mas ainda não se sabe nada sobre o elenco do próximo projeto.

Ainda não há também qualquer data de estreia prevista. Porém, a Deadline afirma que o projeto deve ser uma prioridade para os Walt Disney Studios, uma vez que o blockbuster de 2019 faturou mais de 1,3 mil milhões de euros em todo o mundo. O Rei Leão foi o filme mais visto de 2019, e de sempre, em Portugal.

Mais Artigos
ONU. 75 anos a lutar pelos direitos e liberdades no jornalismo