Amar Demais
Fotografia: Divulgação/TVI

Opinião. ‘Amar Demais’ é uma aposta estável numa TVI em mudança

Amar Demais é a nova novela da TVI e chegou esta segunda-feira (14) aos ecrãs. A novela conta com Graciano Dias, Ana Varela e Fernanda Serrano nos principais papéis. Escrita por Maria João Costa – vencedora do Emmy por Ouro Verde em 2018 – Amar Demais parece ser apenas mais uma novela no catálogo da TVI.

Seis meses após a estreia de Quer o Destino, a TVI voltou a reforçar a aposta na ficção nacional, desta vez com uma novela mais leve, mas ainda longe de ser de fácil digestão. Amar Demais conta-nos a história de um jovem, Zeca (Graciano Dias) que aceita ser preso por um crime que não cometeu, em troca de dinheiro que necessitava para salvar a mãe. Já na prisão, Zeca descobre que o acordo não foi bem sucedido e que só receberá parte do dinheiro que ficou combinado, levando à morte da mãe da personagem principal.

Motivado pela angústia e pelo sentimento de traição, Zeca sai da prisão anos mais tarde com o objetivo de demonstrar que é uma pessoa diferente, sem nunca deixar de lado um plano de vingança para expor os principais responsáveis pelo seu infortúnio.

À partida, a história de Amar Demais é a típica história de novela dos últimos anos, o que não é propriamente dececionante, pois já sabemos que resulta. Alguém sofre algo no passado e regressa para fazer justiça. O mote é semelhante ao de Quer o Destino e até ao de Terra Brava, da SIC, mas sabemos por isso mesmo que podemos contar com desenlaces inesperados e episódios cheios de reviravoltas – afinal, novela é novela.

amar demais tvi
Amar Demais é a nova novela da TVI. (Fotografia: Divulgação/TVI)

Apesar de confusa inicialmente, a estreia da novela de Maria João Costa conquista-nos pela simplicidade da história, que não requer profundas atenções ao detalhe. É simples, vê-se bem e, por isso, cumpre o objetivo. No entanto, à primeira vista, não é algo que dê grande vontade de revisitar.

O elenco da nova novela da TVI foge ao típico elenco que a Quatro costuma montar. Fernanda Serrano surge num papel protagonista com uma personalidade dúbia – algo que já vimos, mas que já tínhamos saudades de voltar a ver – e Graciano Dias e Ana Varela sobem ao estrelato de forma inesperada, mas convincente. O trio protagonista é diferente e arrojado, merecendo uma estrelinha pela aposta corajosa, numa altura em que um elenco comercial, encabeçado por grandes atores conhecidos do público, seria uma grande abordagem para roubar a liderança à concorrência. Com o elenco adotado para a produção de Amar Demais, a TVI coloca as suas expectativas em torno da grande história, que terá a difícil tarefa de subir os resultados da estação numa fase de grandes mudanças.

Porém, é impossível mentir: Sente-se a falta de um grande rosto no elenco para além de Fernanda Serrano. O elenco parece ser demasiado alternativo numa história que já tem uma abordagem pouco comercial, embora venha envolvida num pacote de grandes histórias dramáticas que agarram o público.

Marcada pelo carimbo da Plural, a nova novela da TVI sofre do mesmo mal que algumas das anteriores produções do canal: não tem identidade própria na realização. A fotografia, embora bonita, não se destaca das restantes produções da TVI, deixando sempre claro que estamos a ver um trabalho do canal Quatro, com pouco que nos possa surpreender.

Apesar de remar em águas de marés opostas, Amar Demais é uma novela que aparenta ter potencial de crescimento, mas sem deixar de mostrar carência de postura frente às apostas da SIC.

O percurso de Amar Demais é imprevisível, mas é a primeira grande estreia na ficção desde que a mudança começou. Longe de ser inovadora, a nova novela não compromete e poderá ser uma aposta estável numa grelha que ainda passará por algum reboliço.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Marco Paulo na SIC vs Dia de Cristina
SIC dá “tudo por tudo” para conter Dia de Cristina