Diana Chaves
Fotografia: Instagram/Diana Chaves

Diana Chaves fala sobre ‘Casa Feliz’: “Faço o melhor que sei e divirto-me”

Diana Chaves mostra-se satisfeita com a condução do programa Casa Feliz. Apesar de diferente dos projetos agarrados até ao momento, a atriz e apresentadora explica à revista Caras que o projeto das manhãs da SIC é uma etapa “muito feliz” e contraria os rumores de insatisfação com o desafio.

A oportunidade “inesperada” surgiu com o anúncio da saída de Cristina Ferreira para a TVI e o fim de O Programa da Cristina, a 17 de julho. A SIC acabou por solucionar o problema durante um fim de semana, com Diana Chaves a ser selecionada para abrir as portas com João Baião a um reformulado programa das manhãs.

Em entrevista à Caras, a apresentadora contraria os rumores que saíram na imprensa de que estaria descontente com a atual situação. A saída de Cristina Ferreira “foi uma situação inesperada, precisávamos de agir rapidamente e fui ajudar com todo o gosto.” Apesar de existir “muita especulação“, Diana Chaves revela que está contente com o novo desafio: “a verdade é que acordo superfeliz, vou trabalhar muito feliz, como sempre, faço o melhor que posso e sei, e divirto-me”.

A dupla (in)esperada com João Baião

Em balanço do primeiro mês ao comando de Casa Feliz, Diana Chaves considera que este foi um período “superpositivo” e salienta a parceria com João Baião, com quem já trabalhava no Domingão.

No entanto, a atriz admite que, pelo programa matinal ter um registo diferente, há a necessidade de haver uma adaptação. “Gosto imenso dele [João Baião] e agora passámos do domingo para o resto da semana [risos]. Claro que este é um outro registo e uma outra mecânica, mas é um dia de cada vez e as coisas vão-se assimilando”.

Casa Feliz
Fotografia: SIC / Divulgação

A apresentadora, que está na SIC desde 2008, nega que seja um papel “ingrato” substituir Cristina Ferreira e refere à publicação que “ninguém substitui ninguém“.

No fundo o programa tem de continuar a acontecer. Tanto eu como o João temos estilos diferentes dos da Cristina. Portanto, estamos a continuar um trabalho que era feito por outra pessoa, mas à nossa maneira”, explica.

Diana Chaves chegou a ser substituída no Domingão por Débora Monteiro já depois de ter assumido a apresentação de Casa Feliz. Na altura, a imprensa adivinhava que a saída do formato de domingo à tarde se devia algum desgaste em acumular os dois programas. A apresentadora refere que foi apenas uma folga: “O Daniel [Oliveira] também deu folga ao João para ele poder descansar. Somos pessoas, temos que recuperar”.

A apresentadora refuta ainda os boatos de que o diretor-geral da SIC, Daniel Oliveira, a tenha solicitado para fazer apenas a primeira semana do programa para retomar as férias que estaria a gozar no momento em que foi chamada para fazer o programa. “Não, isso é mentira. Até porque eu já estava há duas semanas no Algarve e vinha nesse sábado para cima por causa do Domingão“, refere.

Não estou muito preocupada com o tempo que vai durar”

Quanto ao período que vai estar à frente de Casa Feliz e a possibilidade de assumir novos projetos, Diana Chaves não se mostra ansiosa. “Eu vivo o momento e atualmente é isto que estou a fazer. E não estou muito preocupada com o tempo que vai durar ou com o que vem a seguir. Portanto, se estou a fazer este programa, é nele que estou concentrada”.

Casa Feliz estreou com resultados acima da média anual de O Programa da Cristina, com mais de meio milhão de pessoas a assistir ao primeiro programa. No entanto, o formato, já na quinta semana a ir para o ar, registou algumas derrotas para o concorrente Você na TV da TVI. Os resultados têm sido positivos, mesmo para Diana Chaves – esta semana a solo na condução do matutino, conseguiu assegurar as lides da casa e Casa Feliz manteve o habitual primeiro lugar nas audiências ao início da semana.

Mais Artigos
Big Brother
‘Big Brother’. Diário e Extra estreiam a perder nas audiências