Foto: divulgação

‘Bom Dia, Verônica’: nova série brasileira da Netflix ganha teaser e data de estreia

A plataforma continua a apostar em conteúdo brasileiro

Depois de A Coisa Mais Linda, 3% e Boca a Boca, a Netflix volta a apostar numa série brasileira. Bom Dia, Verônica é a mais recente produção do serviço de streaming com estreia marcada para dia 1 de outubro.

O elenco inclui vários nomes já conhecidos das novelas brasileiras. Entre eles estão Camila Morgado, Tainá Muller, Adriano Garib e César Mello.

Gravada em São Paulo, a série é inspirada no livro com o mesmo nome, publicado em 2016. No romance de Andrea Killmore (pseudónimo da escritora Ilana Casoy) e Raphael Montes, a protagonista Verônica Torres terá de desvendar alguns crimes que são cometidos perto de si.

A Netflix adianta: “Verônica Torres é casada, mãe de dois filhos e funcionária da Delegacia de Homicídios de São Paulo, onde vive uma rotina burocrática, dentro do sistema”.

A atriz Tainá Muller interpreta Verônica, uma polícia, com uma vida aparentemente normal. Ao assistir a um suicídio que a relembra do seu passado e de, na mesma semana, receber um telefonema anónimo no qual uma mulher desesperada lhe pede ajuda, Verônica põe em prática as suas aptidões para ajudar as vítimas e resolver dois misteriosos casos.

“Verônica decide pôr em prática as suas capacidades de investigação para tentar desvendar os dois casos: o da jovem que se suicidou, uma vítima de um esquema na internet, e o da mulher, que vive oprimida pelo marido, um inteligente assassino em série. Com o avançar da investigação, Verônica enfrentará um mundo perverso que a colocará a ela e à família em perigo”, revela o serviço de streaming.

Por enquanto, sabe-se que as filmagens de Bom Dia, Verônica vão acontecer entre o Rio de Janeiro e São Paulo.

Um elenco cheio de caras conhecidas

Os protagonistas da série também são caras já bem conhecidas do público. Tainá Muller participou nas novelas Flor do Caribe e Babilônia. Camila Morgado interpretou a excêntrica Noêmia em Avenida Brasil, e Du Moscovis participou na novela de 2005, Alma Gêmea.

Raphael Montes e Ilana Casoy, além de autores da obra que inspira esta série, são também responsáveis pelo roteiro do filme A Menina que Matou os Pais, que estreou em abril deste ano). Casoy é responsável pelos livros Serial Killer ‘(2008), O Quinto Mandamento (2009) e Casos de Família (2016). Montes, apesar de jovem, tem já vários livros publicados e traduzidos para mais de 10 línguas.

Depois de outras estreias, a Netflix continua a apostar em conteúdo brasileiro. A Coisa Mais Linda, que estreou em 2019, é uma das séries mais vistas da plataforma, assim como Boca a Boca, que estreou este ano.

Mais Artigos
Sarah Paulson e Holland Taylor
Sarah Paulson responde sobre diferença de idade: “Quando são casais heterossexuais é tudo normal”