Lucifer
Fotografia: Netflix/Divulgação

‘Lucifer’. Depois da maldição, a quinta temporada está a chegar à Netflix

Relembra o que aconteceu na última vez que vimos o diabo no ecrã antes da nova temporada

O diabo está de volta esta sexta-feira (21). Durante algum tempo, foi dito aos fãs, pela Netflix, que a quinta temporada de Lucifer (que vai estrear) seria a última. No entanto, para alegria dos fãs, ainda há mais um capítulo antes do final, que chega só à sexta temporada.

A quinta leva de episódios terá, no total, 16 episódios. Nesta sexta-feira saem apenas oito e, depois de um intervalo (o chamado hiatus) de tempo indeterminado, ficam disponíveis os restantes.

A novidade foi divulgada pelo protagonista, Tom Ellis, durante a sua aparição no programa de Kelly Clarkson. “A 5ª temporada de Lucifer vai ser dividida em duas metades. A Netflix vai lançar oito episódios, depois vai haver uma pequena pausa, e depois lançam outros oito episódios”, explicou.

Meses depois da confirmação do regresso da série para uma quinta parte, iniciou-se um período de negociações entre a Netflix e os produtores para que a série fosse prolongada. Depois de Ildy Modrovich e Joe Henderson chegarem a acordo quanto à existência de uma sexta temporada de Lucifer, faltava o aval do diabo em pessoa. O diálogo com a Warner Bros. foi promissor e avançaram para a assinatura de um novo contrato, que estabeleceria a temporada extra.

Estas mudanças acontecem numa série que desde cedo teve um histórico bastante atribulado. A sua casa inicial foi a FOX, onde, depois de três temporadas, foi cancelada. Em junho de 2018, a Netflix decidiu repescar a série, impedindo-a de terminar por ali. Desde então, estrearam dez episódios. Os 16 episódios da quinta temporada seriam os últimos, mas já estão confirmados novos episódios para um final definitivo, ainda sem previsão de lançamento definida.

O que aconteceu na temporada passada?

Depois de ficar a conhecer a cara de diabo (devil face) de Lucifer, Chloe (Lauren German), que tem dificuldade a aceitar esta nova faceta, tira férias com a filha, Trixie (Scarlett Estevez). Em Roma, Chloe conhece o padre William Kinley (Graham McTavish), cujo plano é prender Lucifer no inferno com a sua ajuda. De regresso a Los Angeles, o plano foi por água abaixo graças aos sentimentos de Chloe por Lucifer, difíceis de combater. Apesar de serem correspondidos, Lucifer descobre as novas intenções de Chloe e afasta-se.

É nesta altura que aparece Eve (Inbar Lavi), o suposto primeiro amor de Lucifer. Numa fase conturbada para Deckerstar, Lucifer reaproxima-se de Eve e, eventualmente, assumem uma relação. No entanto, apaixonado por Chloe, Lucifer apenas iniciou um período de negação. Aos poucos, os dois detetives voltam ao que eram e, no final da temporada, o diabo admite que o seu primeiro amor é, na verdade, Chloe, que retribui com o primeiro “I love you“.

Lucifer
Após quatro temporadas, Chloe confessa finalmente o seu amor por Lucifer. Será desta que os fãs de Deckerstar têm o que merecem? | Fotografia: Netflix/Divulgação

Depois desta declaração, Lucifer tem de voltar ao inferno. A sua amada implora-lhe para que não vá, mas sem sucesso. O diabo regressa a “casa” devido ao seu recém-nascido sobrinho. Filho de Amenadiel (D. B. Woodside) e Linda (Rachael Harris), o seu irmão e a sua psicóloga, Charlie é o primeiro bebé metade humano/metade anjo. Quando os demónios descobrem, veem nele a oportunidade para terem um novo rei, face à recusa de Lucifer. O “tio do ano” consegue resgatar o sobrinho, mas faz o chamado “pacto com o diabo” (pacto consigo mesmo?): para o manter a salvo, permanece no inferno a controlar os demónios.

Quanto às restantes personagens: Maze (Lesley-Ann Brandt) passou a temporada a ajudar a melhor amiga com a sua gravidez e, nos tempos livres, apaixonou-se por Eve, acabando de coração partido. Já Ella (Aimee Garcia) viveu um dilema quanto às suas crenças religiosas, passando de católica a ateia. Dan, o Detective Douchebag (Kevin Alejandro) está cada vez mais insuportável e insiste em culpar Lucifer por tudo o que acontece, inclusive a morte de Charlotte (Tricia Hefler). Encontra consolo em Ella, com quem vai para a cama, criando um ambiente desconfortável entre os dois amigos. Poderá formar-se um novo casal?

Na quinta temporada, Lucifer tem de voltar à Terra, principalmente depois da declaração de Chloe. É esperado que se possa testemunhar o crescimento de Charlie e ficar a conhecer o lado maternal e paternal de Linda e Amenadiel. O que o futuro reserva a Maze é incerto, no entanto.

Os oito episódios da primeira parte da quinta temporada ficam disponíveis na Netflix já esta sexta-feira (21).