Programas que queremos na televisão portuguesa/Survivor
Survivor / Fotografia: Instagram

12 programas que queremos ver na televisão portuguesa

Os programas que vão para o ar nas televisões dos diversos países são muitas vezes adaptações de formatos internacionais. E Portugal não é exceção, com muitos dos formatos que ganham destaque no ecrã a serem versões de programas estrangeiros.

É normal que, quando um programa faz sucesso num determinado país, outros manifestem interesse em produzir uma versão desse programa no seu território. Assim, o Espalha-Factos fez uma seleção de 12 programas que são um sucesso internacional mas que, neste momento, não estão no ar na televisão portuguesa e que queríamos que estivessem.

The Wall

The Wall é um game-show altamente imprevisível e rápido, mas com uma grande quantidade de dinheiro em jogo. Dois jogadores devem trabalhar em equipa para conseguirem o maior prémio possível.

As regras são simples: se a dupla responder corretamente a uma questão, as bolas ficam verdes e caem aleatoriamente pela Parede em direção a espaços que correspondem a diferentes quantias de dinheiro. O dinheiro que resultar da queda das bolas é adicionado à conta dos participantes. Caso errem, as bolas ficam vermelhas e o dinheiro que resultar desta queda de bolas vermelhas é retirado da conta da equipa. Na primeira ronda, os concorrentes respondem juntos às questões colocadas, já na segunda ronda, a equipa é separada. Um dos elementos vai para “isolamento” e lá responde às perguntas, o outro, fica a controlar a Parede com base em palpites sobre se o seu parceiro em “isolamento” acerta ou não nas questões colocadas.

The Wall é uma verdadeira montanha-russa de emoções e já proporcionou prémios verdadeiramente gigantes. Este programa é um sucesso internacional com versões em mais de 25 países, incluindo na nossa vizinha Espanha.

Survivor

Survivor é um popular reality-show com versões em mais de 45 países. Nos Estados Unidos conta com 40 temporadas, sendo que a próxima já está confirmada, e em Espanha já foram exibidas 19 temporadas.

Neste programa, os concorrentes são divididos em grupos e, cada grupo, representa uma tribo. As tribos são colocadas numa localização em isolamento do mundo exterior, normalmente num sítio tropical. Aí devem arranjar comida, procurar água e abrigo para eles mesmos. À medida que o jogo avança vão competindo entre si e realizando tarefas com o objetivo de ganharem imunidades, comida e até objetos de luxo. Os participantes vão sendo progressivamente eliminados do reality até que sobre apenas um, que se sagra o grande vencedor.

Portugal já teve uma versão do Survivor que foi para o ar em 2001 na TVI. Na altura, a apresentação ficou a cargo de Paulo Salvador, e Teresa Guilherme foi uma das produtoras. O reality passou um pouco despercebido e, por isso, a TVI não produziu mais nenhuma temporada. Passados 19 anos, seria interessante voltar a ver o Survivor na televisão portuguesa.

Ninja Warrior

O Ninja Warrior é um emocionante concurso desportivo onde os participantes enfrentam grandes desafios. Os competidores, para se sagrarem vencedores, devem encarar provas físicas de extrema dureza e que exigem destreza, agilidade, força, coordenação e velocidade. Aqueles que se propõem a encarar o desafio, entram num circuito de obstáculos previamente preparado. O programa, nos Estados Unidos, por exemplo, vai percorrendo várias cidades e as centenas de participantes são desafiados a entrar em provas progressivamente mais difíceis na esperança de serem apurados para as finais nacionais e se sagrarem American Ninja Warrior.

Até hoje, foram muito poucos os programas do género do Ninja Warrior a ir para o ar em Portugal. Talvez seja a hora de vermos um concurso desportivo na televisão portuguesa.

Are You The One?

O Are You The One? é um famoso reality-show da MTV que conta com oito temporadas nos Estados Unidos e várias outras versões espalhadas pelo mundo.

Este programa apresenta 20 concorrentes – dez homens e dez mulheres – em busca do par perfeito. Os participantes são colocados numa luxuosa mansão num destino paradisíaco e lá têm o objetivo de encontrar os 10 pares perfeitos em apenas 10 semanas. Se forem bem sucedidos, ganham um prémio monetário que depois é dividido por todos.

A cada episódio os concorrentes enfrentam, em dupla com quem acham ser o seu par perfeito, um desafio. As várias duplas vencedoras saem num encontro particular e, depois dos encontros, têm oportunidade de ir à “Cabine da Verdade”. Os restantes participantes que não venceram o desafio ficam responsáveis por escolher que casal vai à “Cabine da Verdade”.

A Cabine é a única forma que os concorrentes têm de saber se um casal corresponde a um par perfeito ou não. Os episódios terminam com uma “Cerimónia de Pares” onde cada concorrente escolhe uma pessoa para se sentar junto do mesmo. Depois, e através de holofotes são informados sobre quantos pares perfeitos estão já formados, mas não sabem quem são os pares. Cada holofote ligado representa um par perfeito. Caso nenhum se acenda, e ficarem em “blackout” uma parte do prémio final é automaticamente cortada.

A versão do Are You The One? dos Estados Unidos introduziu um twist na última temporada emitida – a oitava. Nesta temporada todos os participantes eram bissexuais, o que tornou o jogo ainda mais difícil e emocionante. A MTV denominou a temporada 8 de “Come one, Come all”.

Hell’s Kitchen

Hell’s Kitchen é uma competição culinária que opõe duas equipas de chefes que trabalham na cozinha de um restaurante preparado em estúdios de televisão. Cada membro das duas equipas luta para ser chefe principal num restaurante e à medida que a competição avança, os concorrentes vão sendo expulsos até sobrar o grande vencedor.

O formato é um sucesso e a versão norte-americana conta com o carismático chefe Gordon Ramsay como anfitrião. Hell’s Kitchen nos Estados Unidos tem 18 temporadas já emitidas e mais duas já foram confirmadas.

Gordon Ramsay em Hell's Kitchen
Gordon Ramsay em Hell’s Kitchen/ Fotografia: Instagram

Os concorrentes são postos sobre grande pressão e para vencerem esta competição culinária devem provar aquilo que realmente valem. São muitas as provas pelas quais passam, por exemplo, a preparação de grandes jantares, o Taste It, Now Make It, onde os aspirantes devem tentar recriar um prato de Gordon Ramsay, ou até mesmo provas cegas onde os concorrentes são desafiados a identificar aquilo que estão a comer.

Queer Eye (ou o regresso de Esquadrão G)

Queer Eye
Queer Eye/Fotografia: Instagram

O reality-show norte-americano mostra cinco homens gays a alterar a vida de quem precisa de um pouco de orientação, ao mesmo tempo que tenta quebrar barreiras e estereótipos. O programa original é de 2003, mas regressou com novos apresentadores em 2018, à Netflix. Em Portugal, já tivemos um programa com a mesma premissa: Esquadrão G: Não És Homem Não És Nada, da SIC, em 2005. Talvez esteja na hora de um muito aguardado regresso.

The Circle

The Circle é o tipo de reality-show que mistura Big Brother com Catfish, fazendo assim nascer um formato bem interessante e diferente do que vimos até agora. Vários concorrentes mudam-se para o mesmo prédio onde vivem sozinhos, cada um no seu apartamento. Sem nunca se verem, a não ser através de uma aplicação com um perfil criado por eles, catfish ou não, é apenas por mensagens escritas que interagem.

Ao longo da competição, os jogadores vão-se avaliando uns aos outros, sendo que os menos pontuados correm o risco de serem eliminados do jogo. Aquele que tiver a sorte de chegar à final compete para um prémio de 100 mil euros. É possível ver este reality na Netflix.

Love Is Blind

Dezenas de homens e mulheres fecham-se em cabines e falam através de uma parede. Sem nunca verem a aparência uns dos outros, vão trocando de par e conversando com diferentes individuais, para avaliarem qual poderá ser o match perfeito.

Love is Blind
Love Is Blind/Fotografia: Instagram

Após dias de conversa a fio, quando sentem uma real ligação, os homens pedem as mulheres em casamento e, caso estas aceitem, os dois encontrarem-se finalmente pela primeira vez. Os noivos passam então alguns dias juntos, onde conhecem as respetivas famílias, amigos e ambiente onde cada um vive. Finalmente, é no dia do casamento que o casal decide seguir caminhos separados ou prova que o amor é realmente cego ao dizerem o “sim”. Love is Blind está disponível na plataforma de streaming Netflix.

Awake: The Million Dollar Game

Awake: The Million Dollar Game é um concurso americano em que os participantes são obrigados a ficar acordados durante mais de 24 horas, enquanto competem nos mais variados desafios, tanto físicos como mentais. O jogo inicia-se quando os jogadores recebem um saco com inúmeros cêntimos e cada um deles tem de contar quanto dinheiro o saco tem, durante 24 horas. Quando o tempo acaba, os participantes têm de estimar quanto dinheiro contaram e, aqueles cujos números estiveram mais longe da realidade, são eliminados. 

Awake continua com vários desafios em que, o jogador com a prestação mais baixa é eliminado. Por fim, quando restam apenas três concorrentes, eles têm a oportunidade de ganhar um prêmio menor e sair do jogo, ou continuar e arriscar perder tudo. The Million Dollar Game pode ser visto na Netflix.

Interior Design Masters

Interior Design Masters é uma competição em que 10 designers de interiores são colocados uns contra os outros para projetar um bar num hotel em Londres. A cada semana que passa, é definido um desafio diferente, projetado para testar a sua capacidade para atenderem os desejos dos vários clientes. Ao longo da série, os concorrentes redesenham os espaços comerciais, de lojas, os restaurantes e até salões de beleza.

Interior Design Masters
Interior Design Masters/Fotografia: Instagram

O grande prémio é a oportunidade de ganharem o seu próprio contrato comercial. Interior Design Masters pode ser visto na Netflix.

Naked Attraction

Naked Attraction é um programa de encontros que, à primeira vista, parte da mesma premissa à qual já estamos habituados para este género de reality-shows: são selecionados seis concorrentes, tendo em conta as preferências de um pretendente e, ao longo de várias fases, o pretendente tem que eliminar um a um, até restar apenas um concorrente.

"<yoastmark
Naked Attraction/ Fotografia: Instagram

No entanto, este programa rompe a estrutura clássica, uma vez que todos os concorrentes estão nus, dos pés à cabeça, dentro de cabines. Em cada fase é revelada uma secção do corpo e, quando restam apenas dois concorrentes, o pretendente também tem que ficar nu, antes de poder escolher o vencedor com quem terá oportunidade de ir a um encontro.

De origem britânica, o programa conta já com várias edições internacionais. Em Portugal, atualmente é transmitida a versão original, todas as noites, na SIC Radical.

RuPaul’s Drag Race

RuPaul Charles é o anfitrião do reality-show premiado pelos Emmy RuPaul’s Drag Race, responsável por dar a conhecer o melhor da cultura drag ao grande público. Entre vários desafios semanais, o programa procura a próxima grande estrela drag, sem medo de explorar outros assuntos de peso na comunidade LGBTI+.

Após três edições bem-sucedidas de RuPaul’s Drag Race a nível internacional, seria interessante explorar o conceito em território português. Há muito por descobrir em vários bares nacionais, animados por artistas verdadeiramente inovadores. Os eventos centrados à volta da arte drag em Portugal têm registado cada vez mais adesão, seja através da renhida competição no concurso Miss Drag Lisboa ou no divertido formato de um Drag Brunch. Se talento não falta, uma plataforma televisiva podia ajudar a alcançar o reconhecimento merecido nesta área.

Sugestões de Rúben Ferreira (coord.), com Ana Silva, André Santos, Carolina Correia, Matilde Dias e Rui Pedro Félix.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Green Book venceu três Óscares
Óscares 2021. RTP prepara sessões especiais com filmes premiados