Mosquito de João Nuno Pinto
Divulgação/Mosquito Filme

Mostra de São Paulo vai acolher três filmes portugueses

Na 44.ª edição da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo vão ser exibidos três filmes de autores portugueses. O festival de cinema brasileiro irá decorrer de 22 de outubro a 4 de novembro.

Os filmes portugueses a ser exibidos no festival são todos produções da Leopardo Filmes:  A Herdade (2019), de Tiago Guedes, Mosquito (2020), de João Nuno Pinto e Ordem Moral (2020), de Mário Barroso.

A Herdade já marcou presença no Festival de Veneza e também no Festival Internacional de Cinema de Toronto, Canadá, entre outros festivais.  O drama conta a história de uma família portuguesa, que tem uma das maiores propriedades da Europa, na margem sul do rio Tejo. A trama passa-se em três diferentes épocas, desde o tempo do Estado Novo a um período democrático mais recente.

O Mosquito também não é estranho a festivais de cinema e já ganhou uma menção honrosa no Burgas Film Festival. O filme fala sobre um jovem português que, depois de se alistar no exército durante a Primeira Guerra Mundial, é enviado para a linha da frente em Moçambique. Lá é deixado para trás pelo seu pelotão, e parte para uma jornada mística, em Makua, em busca do seu sonho.

Finalmente, Ordem Moral vai ter a sua estreia no festival de cinema de São Paulo. O filme passa-se em 1918 e retrata a história apaixonante de Maria Adelaide Coelho da Cunha, herdeira e proprietária do Diário de Notícias, que deixa o luxo social, cultural e familiar a que tem acesso, para fugir com um motorista 26 anos mais novo.

A Mostra Internacional de Cinema de São Paulo ocorre normalmente em diversos locais à volta de São Paulo, desde cinemas e casas de cultura a museus e espaços ao ar livre. Todavia, este ano, a Mostra vai realizar-se pela primeira vez através de plataformas virtuais, devido à pandemia do novo coronavírus.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Cristina Ferreira
Cristina Ferreira leva ‘Jornal das 8’ ao melhor resultado do ano