Lurdes Baeta
Fotografia: TVI / Divulgação

TVI. Lurdes Baeta adjunta de Anselmo Crespo na direção de Informação

Nova estrutura diretiva do canal televisivo de Queluz de Baixo vai iniciar funções no próximo dia 1 de setembro

Alinhamento feito. O Grupo Media Capital anunciou, esta sexta-feira, Lurdes Baeta como a nova diretora-adjunta da futura direção de Informação da TVI, na qual Joaquim Sousa Martins, Pedro Benevides e Pedro Mourinho serão subdiretores, lê-se em comunicado.

Este renovado corpo diretivo “iniciará funções a 1 de setembro” e será dirigido por Anselmo Crespo, antigo diretor e editor da rádio TSF, cuja aquisição e função já haviam sido anunciadas a 19 de julho, pelo administrador delegado do grupo, Manuel Alves Monteiro.

Os jornalistas reforços Pedro Benevides, anunciado só esta sexta (24), e Pedro Mourinho estavam, respetivamente, na editoria de política do jornal Observador e na Informação do canal televisivo concorrente SIC. Quanto a Lurdes Baeta e Joaquim Sousa Martins, foram alvos de promoções na hierarquia informativa da TVI.

No mais recente comunicado do Grupo Media Capital, estipula-se que “compete ao Diretor de Informação definir agora as estruturas intermediárias e a organização da redação, bem como participar no processo de transformação em curso (…) da oferta da informação da TVI”.

Ouve também: Grelha de Transferências: Podcast debate contratações na televisão portuguesa

Para isso, Anselmo Crespo contará com a ajuda dos jornalistas e “dois dos principais rostos da informação” do canal José Alberto Carvalho e Pedro Pinto, “com atribuições transversais”. Vão permanecer, inclusive, como pivôs, escreve o jornal Público.

A administração do Grupo Media Capital sublinhou que, antes da entrada em funções da estreante direção de Informação, “os membros atualmente em funções asseguram, na plenitude, as tarefas necessárias e preparam a transição” na redação do canal.

Após a saída, anunciada a 10 de julho, do ex-diretor de Informação Sérgio Figueiredo da estação televisiva de Queluz de Baixo, o jornalista Pedro Pinto, então subdiretor, assumiu interinamente a posição vaga.

No comunicado emitido esta sexta-feira, o Grupo Media Capital ressalvou, ainda, que a próxima “Direção de Informação tem total autonomia editorial, de acordo com a Lei, mas também de acordo com as boas práticas” da entidade.

A própria TVI frisou que, com as alterações na direção do canal, a informação do mesmo será “distintiva e irreverente”, com a “credibilidade que a caracteriza”, almejando “manter uma relação de confiança com os cidadãos”.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Big Brother
‘Big Brother’. Diário e Extra estreiam a perder nas audiências