The Strokes
Divulgação/Sony Music, Jason McDonald

The Strokes, Faith No More e La Roux no NOS Alive 2021

The Lumineers, Tom Misch e Manel Cruz são os outros nomes confirmados para a 14ª edição do festival.

The Strokes, Faith No More, La Roux, The Lumineers, Tom Misch e Manel Cruz são as mais recentes confirmações anunciadas para a 14ª edição do NOS Alive. O festival decorre entre os dias 7 e 10 de julho de 2021.

Os The Strokes, banda seminal do ressurgimento do garage rock que ocorreu no início da década de 2000, regressam a Portugal pela primeira vez desde do ano de 2011. O grupo nova-iorquino traz na sua bagagem o seu novo trabalho, The New Abnormal. Além dos temas do novo disco, irá-se fazer ouvir no Passeio Marítimos de Algés faixas de Is This It, disco lançado em 2001, Room On Fire ou Angles. A banda será cabeça de cartaz para o último dia do festival, 10 de julho.

A juntar-se aos Strokes no último dia do festival, os Faith No More de Mike Patton regressam a Portugal pela primeira vez desde 2010. A carreira da banda de alternative metal é marcada pelos lançamentos de discos como Angel Dust ou King for a Day… Fool for a Lifetime.

A cantora britânica La Roux também atuará no dia 10 de julho no Passeio Marítimo de Algés. Em abril deste ano, a cantora lançou Supervision, o seu mais recente trabalho de estúdio. A apresentação do disco irá apresentar no festival promovido pela Everything Is New. O vocalista dos Ornatos Violeta, Manel Cruz, também está confirmado para um concerto no último dia do festival. O cantor e multi-instrumentalista português estreou-se a solo em 2019, com o lançamento do disco Vida Nova.

Para o segundo dia do festival (8), os The Lumineers, um dos mais bem sucedidos grupos de indie pop, são a mais recente confirmação. A banda junta-se aos Red Hot Chili Peppers e alt-J como grandes nomes a atuar no dia 8 de julho no Passeio Marítimo de Algés.

A confirmação do artista britânico Tom Misch para o dia 9 do festival fecha este segundo lote de confirmações. Recentemente, este assinou o trabalho What Kinda Music em conjunto com o produtor e baterista Yussef Dayes. Em 2017, o guitarrista e multi-instrumentalista lançou Geography. Será, com certeza, um concerto intimista e caloroso que acontecerá no penúltimo dia do festival.

Para quem já possuía um bilhete para a edição de 2020 do festival, a troca para as novas datas do festival pode ser realizada no posto de venda onde foi adquirido o bilhete. A troca de bilhete ocorre mediante lotação disponível. Em alternativa, pode ser efetuada a troca para um vale com o mesmo valor a ser usado nos eventos organizados pela Everything Is New.

Os bilhetes para a edição de 2021 podem ser adquiridos nos locais habituais. O bilhete diário custa 69€, o passe de três dias, que engloba os dias 7, 8 e 9 do festival custa 159€, e o passe de quatro dias custa 189€.

Mais Artigos
Elenco de O Atentado da RTP1
Opinião. ‘O Atentado’ é a nova série da RTP1 que promete não falhar