Naya Rivera
Fotografia: Reprodução/DR

Naya Rivera morreu acidentalmente e terá salvado o filho

Naya Rivera morreu por afogamento acidental, segundo a autópsia realizada ao corpo da atriz esta terça-feira (14). A polícia de Ventura teoriza que Rivera terá salvado o filho da forte corrente do lago, mas acabou por morrer.

A atriz que se tornou célebre por interpretar Santana Lopez, na série Glee, morreu afogada no lago Piru, na Califórnia, onde tinha alugado um barco para passear com o seu filho de quatro anos. Estava desaparecida desde 8 de julho, mas o seu corpo só foi encontrado na segunda-feira (13). Tinha 33 anos.

As autoridades confirmaram a identidade do corpo retirado do lago através dos registos dentários. O gabinete de medicina legal declarou a morte da atriz como acidental, não havendo qualquer sinal de trauma ou ingestão de substâncias alcoólicas.

A possibilidade de homicídio ou suicídio já havia sido descartada pelo xerife do condado de Ventura, Bill Ayub, na segunda-feira. “A ideia é que, talvez, o barco se tenha começado mover — não estava ancorado —, e que ela reuniu forças suficientes para recolocar o filho no barco, mas não conseguiu salvar-se”, explicou o xerife.

O seu filho de quatro anos tinha sido encontrado numa embarcação à deriva no lago, três horas após Naya Rivera ter alugado o barco. As buscas iniciaram-se imediatamente, com a colaboração da família e amigos da atriz. No entanto, devido à fraca visibilidade e águas profundas do lago, o corpo só foi encontrado cinco dias depois — no aniversário da morte de Cory Monteith, outra estrela de Glee.

Lê também: Recorda as melhores atuações a solo da Santana de ‘Glee’

Na segunda-feira, vários antigos colegas de Naya em Glee juntaram-se perto do lago para homenagear a atriz. Após a notícia da sua morte, várias foram as celebridades que se pronunciaram através das redes sociais para recordar o talento e a simpatia da atriz.

Dianna Agron, que interpretou a cheerleader Quinn em Glee, recordou: “trabalhar com ela foi uma dádiva. Havia tanto para absorver —  a sua ética profissional, a sua intrepidez, o seu talento — supremo“. Naya Rivera é recordada como uma profissional talentosa, mas permanece no coração de vários fãs por ter interpretado uma das primeiras personagens de cor assumidamente homossexuais na televisão mainstream.

View this post on Instagram

⁣⁣ Naya and I fell into stride with such ease, she was my first friend and ally on our show. In the pilot, our characters came and went with such swiftness. Our enthusiasm brimmed with all of the unknown. We tried to grasp what the other cast members must be feeling as we were working in such separate manners. We dared to dream. What if this show worked? Wouldn’t that be something? Something was brimming, it was palpable. And thank god it worked. Naya’s magnetic talent was going to be unleashed, we just didn’t know it yet. ⁣⁣ ⁣⁣ I’ve been revisiting Naya’s performances on our show and it has brought me great joy. To work with her was a gift. There was a great deal to absorb – her work ethic, her fearlessness, her talent – supreme. Naya had a laugh that would envelop you and hold you captive. She was mesmerizing. That twinkle in her eye, her luminous smile. Naya lead with truth, humor, wit. I loved her for all of these reasons. ⁣⁣ ⁣⁣ I loved her sense of curiosity and wanderlust. I was lucky enough to be her travel partner for some of my most favorite adventures. As I write this, I’m grinning with swelling memories of a spontenaous 36 hour excursion – one might even say diversion – to Paris. With Naya, everything was possible and would often simply unfold before us, almost magically.⁣⁣ On this particular jaunt, within ten minutes of checking into our hotel, we found ourselves strolling the halls of L'École des Beaux-Arts, sipping wine from paper cups with students showcasing their latest work. It was fantastic. We were united in our commitment to discovery. And there was always a list of cleverly curated ideas in Naya’s back pocket, should we need it. ⁣⁣ ⁣⁣ I cannot make sense of this tremendous loss. I will hold onto her and these memories for the rest of time, alongside our Glee family. Please hold space for her, her family, her beautiful boy. ⁣⁣ ⁣⁣ In absolute, loving memory.

A post shared by Dianna Agron (@diannaagron) on

Criadores de Glee vão pagar educação de Josey

Os criadores de GleeRyan Murphy, Brad Falchuk e Ian Brennan, vão financiar a educação do filho de Naya Rivera. Os três anunciaram esta terça-feira (14), em comunicado, que irão estabelecer um fundo poupança para pagar a faculdade a Josey, que tem agora quatro anos.

Esta foi a forma que escolheram para homenagear a atriz. “Nós os três estamos atualmente a criar um fundo para a faculdade do filho lindo que Naya amava mais que tudo“, disseram no comunicado. A atriz fez parte do elenco de Glee em todas as suas temporadas, entre 2009 e 2015.

Naya Rivera tinha uma personagem secundária na série, mas após perceberem a dimensão do seu talento os criadores decidiram que ela merecia mais tempo de antena. “Ela não tinha mais do que umas linhas no episódio piloto. Mas não demorou mais do que um episódio ou dois para percebermos que tínhamos tido sorte em encontrar uma das mais talentosas e especiais estrelas com quem iríamos ter o prazer de trabalhar“, escreveram.

Mais Artigos
Avatar: The Last Airbender
Criadores de ‘Avatar: The Last Airbender’ abandonam adaptação da Netflix