A Metamorfose dos Pássaros
Foto: 'A Metamorfose dos Pássaros'/Berlinale

‘A Metamorfose dos Pássaros’, filme de Catarina Vasconcelos, vence prémio em Taiwan

A longa-metragem, desta vez, ganhou a atenção do festival de Cinema de Taipé, em Taiwan

A Metamorfose dos Pássaros é a primeira longa-metragem da realizadora Catarina Vasconcelos e foi, esta terça-feira (30), premiada no Festival de Cinema de Taipé, em Taiwan.

A agência Portugal Film anunciou, em comunicado enviado à SAPO Mag, que “depois de ter vencido o Prémio da Crítica Internacional – FIPRESCI, na Berlinale, onde teve a sua estreia mundial, e o Prémio de Melhor Filme no Festival de Vilnius, na Lituânia, a primeira longa-metragem da realizadora Catarina Vasconcelos vence hoje o Prémio Especial do Júri no Festival de Cinema de Taipé, o mais importante festival de cinema de Taiwan”.

A longa-metragem conta a história de Beatriz, de Henrique e dos seus seis filhos. Quando Beatriz completa 21 anos, casa-se com Henrique, um marinheiro. Enquanto a sua profissão o deixa temporadas e temporadas no mar, Beatriz cuida dos seus filhos, até que um dia inesperadamente morre.

A Metamorfose dos Pássaros entre a ficção e o documentário

Neste filme a realizadora quis polir a história dos avós e do seu pai. Tal como Beatriz, a avó da realizadora também faleceu. Já Jacinto, para além de personagem, espelha também a história do pai da realizadora, cuja mãe morreu quando Catarina tinha apenas 17 anos.

Após as mortes das suas mães, há 6 anos, Catarina decidiu realizar o filme que tem vencido inúmeros prémios em festivais internacionais.

A realizadora rotulou o filme como um “híbrido” entre a ficção e documentário, já que a história “começou com algo muito familiar”. Contudo, à medida que tentava entrevistar a família, percebeu de alguns detalhes que os seus tios e tias nunca lhe tinham contado. A autora teve que “libertar-se da sua família e do medo de inventar sobre eles, para poder inventar à vontade”, contou em entrevista citada pela SAPO Mag.

A realizadora mostrou-se muito feliz ao saber que  um “filme tão pessoal” chegou ao festival de Taipé. No entanto, concluiu que “a maior alegria era  perceber que não há fronteiras no pensamento da morte e das memórias”.

A Metamorfose dos Pássaros já foi selecionada “para mais de 20 festivais internacionais, nos Estados Unidos, Rússia, Espanha, Grécia, Coreia, Canadá, Polónia, Brasil, México, Austrália, Itália, entre outros”, escreve a Portugal Film.

A longa-metragem vai poder ser vista em Portugal, no IndieLisboa, que decorrerá entre 25 de agosto e 5 de setembro.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Getty Images
Cinemas NOS e Cinema City reabrem salas