‘Black Is King’: Beyoncé anuncia novo álbum visual na Disney+

A artista vai lançar o projeto no dia 31 de julho na Disney+

Beyoncé anunciou o lançamento do álbum visual Black is King. O novo projeto, escrito, realizado e produzido pela artista chega à plataforma de streaming Disney+ no dia 31 de julho.

O trailer foi publicado pela Parkwood Entertainment, empresa de Beyoncé, no passado domingo (28). A data escolhida para o lançamento é o aniversário do remake de O Rei Leão, que estreou nos cinemas em 2019, um filme no qual a cantora colaborou, dando voz à leoa Nala, e participando ativamente no disco The Lion King: The Gift.

[

O elo com a história clássica da Disney é forte. De acordo com o Hollywood Reporter, a produção assinada por Beyoncé é dedicada aos “jovens reis e rainhas de hoje, que procuram as suas próprias coroas” e pretende homenagear “a trajetória de famílias negras, ao longo do tempo”.

Black Is King conta a história de um jovem rei, que passa por uma “jornada de transcendência através de traição, amor e auto-identificação”. “Os seus ancestrais vão guiá-lo em direção ao seu destino. Com os ensinamentos do seu pai, e direcionamento do seu amor de infância, ele ganha as virtudes necessárias para conquistar a sua casa e trono”.

Como Nala, mas um pouco diferente

A missão do novo projeto de Beyoncé é trazer uma nova voz para o clássico. “Black Is King é uma afirmação de um grande propósito, com visuais luxuosas que celebram a resiliência e a cultura negra. O filme destaca a beleza da tradição e excelência negra”, afirma a produtora.

Para além de ter dobrado Nala na live-action de O Rei Leão, Beyoncé esteve profundamente envolvida com a produção da banda sonora do filme. A artista esteve por detrás do álbum The Gift, que contou ainda com a participação de Childish Gambino, Kendrick Lamar, Pharrell e Jay-Z.

Recentemente, nos BET Awards, a filha de Beyoncé, Blue Ivy Carter recebeu o prémio HER pela sua contribuição em ‘Brown Skin Girl’, uma das canções da banda sonora do mesmo filme. Blue Ivy tornou-se, assim, a mais nova vencedora da história da premiação.

Mas esta não é a única novidade anunciada pela artista. Beyoncé lançou ainda a canção ‘Black Parade’. Os lucros da mesma destinam-se a um apoio financeiro dado pela sua fundação, BeyGOOD, a pequenas empresas cujos donos são pessoas de cor.

O single está em 37.° lugar no top da Billboard, onde Beyoncé também se encontra com outro projeto. O remix de ‘Savage’, com Meghan Thee Stallion, põe as duas artistas texanas no segundo lugar da lista de músicas de maior sucesso do momento.

Mais Artigos
Gritos 5
‘Gritos 5’ pode chegar mais cedo do que os fãs esperam