Prémios PLAY
Foto: página oficial dos prémios PLAY no Facebook

Prémios PLAY só em julho e sem público ao vivo

A cerimónia dos PLAY – Prémios da Música Portuguesa, inicialmente prevista para março, e adiada devido à pandemia da Covid-19, já tem nova data. A segunda edição regressa ao Coliseu de Lisboa no dia 29 de julho, desta vez sem público ao vivo.

Num comunicado enviado esta quinta-feira à imprensa, a organização adianta que a entrega de prémios continuará a ser transmitida pela RTP1, em direto, a partir das 21h, mas também em live stream. “A comunidade da música portuguesa será premiada e homenageada”, numa cerimónia conduzida por Filomena Cautela e Inês Lopes Gonçalves, a partir do Coliseu dos Recreios.

Com a promessa de “um forte investimento criativo”, a organização dos PLAY explica que o objetivo primordial é o de “premiar os músicos portugueses, que vivem, conjuntamente com as suas equipas, o momento mais difícil da sua existência”. Para tal, a Passmusica, promotora do evento, e a RTP, televisão oficial, criaram um “modelo que respeitará todas as regras emanadas pela Direção-Geral da Saúde” e que passam pela ausência de público ao vivo na cerimónia.

Lista de nomeados

Aquando do anúncio dos nomeados, em fevereiro, a organização deixou em aberto as categorias de Melhor Álbum Jazz e Melhor Álbum Música Clássica/Erudita, entretanto já reveladas.

 Melhor Álbum Jazz
  • João Mortágua – Dentro da Janela
  • André Sousa Machado – Histórias do Jazz em Portugal
  • Daniel Bernardes & Drumming GP – Liturgy of Birds 
  • Filipe Raposo – Ocre 
Melhor Álbum Música Clássica/Erudita
  • Drumming GP/Luís Tinoco – Achipelago
  • Cupertinos & Luís Toscano – Manuel Cardoso: Rquiem, Lamentations, Minificat & Motets
  • Hugo Vasco Reis – Chamber Music I
  • Quarteto Lopes-Graça, Leonor Braga Santos e Irene Lima – Joly Braga Santos – Complete Chamber Music Vol I

De entre as 12 categorias, e depois da glória de Dino D’Santiago em 2019 com três prémios, a banda Capitão Fausto e o rapper Slow J são quem reúne o maior número de nomeações este ano. Estão ambos nomeados para três PLAY, incluindo as duas categorias mais importantes, Melhor Álbum e Canção do Ano.

A todas as 10 categorias já reveladas, somam-se os prémios Carreira e da Crítica, ambos com um único nome, conhecido durante a cerimónia. Os vencedores destas duas categorias serão escolhidos por elementos da Audiogest, cooperativa GDA – Gestão de Direitos dos Artistas e Associação PassMúsica e ainda por críticos de música, respetivamente. O PLAY de Melhor Canção é atribuído pelo público e todas os vencedores das restantes categorias são escolhidos por júris compostos por figuras do meio da música portuguesa.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Vogue Portugal
Capa da Vogue Portugal sobre saúde mental criticada no país e no mundo